Começa retorno de migrantes da Grécia à Turquia

Grupo de 136 pessoas partiu das ilhas de Lesbos e Chios, iniciando execução de acordo entre Ancara e Bruxelas. Primeiros requerentes de asilo sírios a entrarem legalmente na Europa vindos da Turquia chegam à Alemanha.

Os primeiros grupos de migrantes foram enviados de volta da Grécia à Turquia nesta segunda-feira (04/04), iniciando a execução de um acordo alcançado entre Ancara e a União Europeia (UE).

Ao todo, 136 migrantes de diferentes nacionalidades embarcaram em navios de passageiros contratados pela Frontex na ilha de Lesbos e 66, na ilha de Chios, com destino à Turquia. Cada imigrante foi acompanhado por um funcionário da Frontex. A ação ocorreu sem incidentes.

Segundo o acordo firmado entre a Bruxelas e Ancara no mês passado, todos os refugiados que chegaram na Grécia após o dia 20 de março e não requisitaram asilo ou cujos pedidos de asilo foram rejeitados devem ser deportados de volta à Turquia.

Em contrapartida, para cada migrante enviado de volta, a UE se compromete a receber outro refugiado sírio vindo da Turquia, através dos canais legais - até um limite de 72 mil.

De acordo com informações da polícia local grega, em entrevista à Deutsche Welle, 125 paquistaneses embarcaram em Lesbos nos navios turcos Nazli Jale e Lesvos, além de quatro migrantes do Sri Lanka, três de Bangladesh e dois da Índia. Dois sírios voltaram à Turquia por vontade própria e por razões familiares.

A maioria dos repatriados da ilha de Chios são afegãos (42), 10 são iranianos, seis vêm do Paquistão e cinco do Congo. Costa do Marfim, Índia e Somália tinham um cidadão cada. De acordo com a porta-voz da Frontex Ewa Moncure nenhuma das pessoas tinha solicitado asilo na Grécia.

Nem a polícia local nem a Frontex informaram se novos embarques estão programados para esta segunda ou para os próximos dias. Os agentes da Frontex que acompanharam os refugiados de Lesbos vieram da França, Dinamarca e dos três Estados bálticos Estônia, Letônia e Lituânia. De acordo com Ewa Moncure, os países da EU forneceram até agora cerca de 300 funcionários para a Frontex na Grécia. A Frontex havia solicitado 1.500 e espera que mais agentes cheguem nos próximos dias.

Os primeiros requerentes de asilo sírios a entrarem legalmente na UE vindos diretamente da Turquia aterrissaram no aeroporto de Hannover nesta segunda-feira. Os 24 refugiados foram levados para um centro de acolhimento em Friedland, perto de Göttingen, no norte da Alemanha. Outros 18 refugiados são esperados para chegar no mesmo aeroporto ainda nesta segunda-feira.

MD/afp/dpa/dw

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos