Morre aos 57 anos Prince, ícone da música pop

Artista americano foi encontrado morto em sua casa em Minnesota. Considerado um dos músicos mais inovadores de seu tempo, ele ganhou fama no fim dos anos 1970 e conquistou o público com canções como "Purple Rain".

O cantor americano Prince, um dos nomes mais aclamados da música pop, foi encontrado morto em sua casa nos Estados Unidos nesta quinta-feira (21/04). A causa da morte do músico, que tinha 57 anos, não foi divulgada.

O site de celebridades TMZ, citando fontes próximas ao cantor, foi o primeiro a relatar a morte. Um membro do gabinete da polícia local declarou que uma pessoa fora encontrada morta na propriedade de Prince, em Minnesota, mas não identificou a vítima.

A notícia de que se tratava mesmo de Prince foi confirmada mais tarde pela assessora do músico, sem dar mais detalhes sobre as circunstâncias da morte.

"É com profunda tristeza que confirmo o que o lendário e icônico artista Prince Rogers Nelson morreu em sua residência em Paisley Park nesta manhã, aos 57 anos", disse Anna Meacham. "Não sabemos a causa da morte neste momento."

A última apresentação de Prince foi em Atlanta há uma semana, no dia 14 de abril. No dia seguinte, o cantor passou mal dentro de seu jatinho particular, obrigando o avião a fazer um pouso não programado em Illinois. O motivo do mal-estar foi uma forte gripe, segundo fontes próximas ao músico.

Mais de 100 milhões de álbuns

Considerado um dos cantores, compositores e multi-instrumentistas mais inovadores de seu tempo, Prince ganhou fama no fim dos anos 1970. Ao longo das décadas seguintes, estourou canções como Purple Rain, Kiss e Raspberry Beret, que combinam jazz, funk e disco.

Prince era considerado como um perfeccionista que, de 1993 a 2000, mudou o seu nome para um símbolo impronunciável, no que foi visto como protesto contra a sua gravadora naquele momento. Por um período, chegou a ser chamado de "O Artista Antes Conhecido como Prince".

Uma pessoa muito reservada, Prince vendeu mais de cem milhões de discos durante a sua carreira, ganhou sete prêmios Grammy e entrou no Hall da Fama do Rock and Roll em 2004. Seu último disco, "HITnRUN: Phase Two", foi lançado em dezembro de 2015.

Prince se tornou Testemunha de Jeová há 15 anos e era um vegano estrito. Em 2009, falou numa entrevista à rede de TV PBS sobre o fato de ter nascido epilético e ter sofrido convulsões quando criança.

Ele ganhou o Oscar pela canção original de Viva a música (Purple Rain), o filme de 1984 cuja música teve como base o disco dele de mesmo nome. Ele também estrelou o filme. Em 2007, ele tocou no Super Bowl numa das apresentações mais celebradas do evento.

Letras e apresentações explosivas

Nascido em Minneapolis como Prince Rogers Nelson em 7 de junho de 1958, o artista, diz-se, escreveu a sua primeira canção aos 7 anos. Além de cantar e compor, ele tocava vários instrumentos, incluindo guitarra, teclados e bateria.

A sua música é caracterizada por letras de conotação sexual e apresentações ao vivo explosivas, enquanto que a sua vida privada foi marcada por uma série de romances, o ligando a mulheres como Madonna e as atrizes Kim Bassinger e Carmen Electra.

Prince casou-se duas vezes: com a sua cantora de apoio Mayte Garcia, em 1996, e depois com Manuela Testolini, em 2001. Os dois casamentos terminaram em divórcio, e o filho dele com Mayte morreu uma semana depois de nascer, em outubro de 1996.

EK/ap/dpa/efe/rtr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos