Identidade de criador da Bitcoin é revelada

Após anos de especulações, programador australiano revela ter inventado moeda digital, utilizada sem regulamentação em negócios online em todo o mundo. Estima-se cerca de 15,5 milhões de Bitcoins estejam em circulação.

O cientista da computação australiano Craig Steven Wright se identificou nesta segunda-feira (02/05) como criador da moeda digital conhecida como Bitcoin.

A revelação pôs fim a anos de especulações sobre a verdadeira identidade do inventor da cibermoeda, lançada em 2008 por um programador que utilizava o pseudônimo de Satoshi Nakamoto. A Bitcoin é utilizada sem regulamentação em negócios online em todo o mundo.

Wright forneceu à emissora britânica BBC e às revistas The Economist e GQ provas criptográficas que comprovariam a autoria do programa por trás da Bitcoin, antes de disponibilizá-las em um blog. "Não busco publicidade, quero apenas esclarecer essas questões", afirmou o australiano, citado pela The Economist.

Num vídeo enviado à BBC, Wright admite ser Satoshi Nakamoto, apesar de ter negado anteriormente as suspeitas de que estaria por trás da Bitcoin. "Eu era a maior parte disso, mas outras pessoas me ajudaram", disse.

"Preferia não ter de fazê-lo. Quero trabalhar. Quero continuar fazendo o que quero fazer. Não quero dinheiro. Não quero fama. Não quero adoração. Quero apenas que me deixem em paz", afirmou o cientista da computação.

Estima-se cerca de 15,5 milhões de Bitcoins estejam em circulação. Cada unidade corresponde a 449 dólares. A cibermoeda opera sem uma autoridade central ou suporte governamental, e atraiu o interesse de bancos, especuladores e criminosos.

Em dezembro passado, após Wright ser identificado pela revista Wired e pelo portal de internet Gizmodo como o verdadeiro Nakamoto, as autoridades tributárias australianas realizaram buscas em sua casa, apreendendo documentos e computadores. Ele diz que está cooperando com as autoridades e que seus advogados negociam o valor das multas que ele deverá pagar.

RC/rtr/dpa

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos