Prince morreu de overdose de opioide

Autópsia revela que Prince aplicou acidentalmente dose elevada de analgésico à base de ópio. Cantor morreu intoxicado. Medicamento é indicado para pacientes com dores crônicas.

A autópsia do cantor americano Prince revelou que ele morreu de uma overdose acidental de opioide, afirmou nesta quinta-feira (02/06) a polícia de Minnesota. O cantor foi encontrado morto em sua casa em um subúrbio de Minneapolis no final de abril.

Segundo a autópsia, Prince aplicou acidentalmente uma dose elevada de fentanil e morreu intoxicado. O analgésico do grupo dos opioides, à base de ópio, é mais forte do que morfina e costuma ser usados para pacientes com dores crônicas, geralmente após cirurgias, e é vendido apenas com prescrição médica.

As autoridades concentraram as investigações sobre as causas morte em analgésicos depois de receitas de medicação opioide terem sido encontradas na casa do cantor e de relatos sobre um possível vício do cantor.

Autoridades federais, incluindo o DEA, órgão do Departamento de Justiça americano para o combate às drogas, colaboraram com as investigações. Os investigadores aguardavam os resultados dos testes de toxicidades para divulgar a conclusão da autópsia.

O site de celebridades TMZ afirmou ainda nesta quinta-feira que o internamento de Prince em Moline, no Illnois, seis dias antes da sua morte, ocorreu devido a uma overdose de um analgésico opioide.

Inovador e polêmico

Nascido em Minneapolis como Prince Rogers Nelson em 7 de junho de 1958, o artista era considerado um dos cantores, compositores e multi-instrumentistas mais inovadores de seu tempo.

Ele ganhou fama no fim dos anos 1970 e, ao longo das décadas seguintes, estourou canções como Purple Rain, Kiss e Raspberry Beret, que combinam jazz, funk e disco.

De 1993 a 2000, o músico mudou seu nome para um símbolo impronunciável, o que foi visto à época como um protesto contra a sua gravadora. Por um período, chegou a ser chamado de "o artista antes conhecido como Prince".

Muito reservado, ele vendeu mais de cem milhões de discos durante a sua carreira, ganhou sete prêmios Grammy e entrou no Hall da Fama do Rock and Roll em 2004. Seu último disco, "HITnRUN: Phase Two", foi lançado em dezembro de 2015. Prince morreu em 21 de abril aos 57 anos.

CN/rtr/apf/lusa

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos