Explosões deixam morto e feridos na Tailândia

Duas bombas explodem em Hua Hin com alguns minutos de diferença. Entre os cerca de 20 feridos, há sete estrangeiros. Uma tailandesa morreu no atentado. Nenhum grupo reivindica autoria de ataques.

A explosão de duas bombas em Hua Hin, na Tailândia, nesta quinta-feira (11/08) matou pelo menos uma pessoa e deixou cerca de 20 feridas. Os ataques ocorreram em um bairro popular por sua vida noturna na região que é um dos principais destinos turísticos do país.

A única vítima fatal é uma tailandesa que estava em frente a um bar, onde ocorreu a segunda explosão. Entre os feridos, há pelo menos sete estrangeiros, quatro mulheres e três homens.

A polícia investiga o ataque, mas os dados preliminares indicam que as bombas foram detonadas via celular. A segunda explosão ocorreu a 50 metros e 20 minutos após a primeira. Autoridades evitaram especular sobre o atentado. Nenhum grupo reivindicou a autoria das explosões.

Poucas horas antes do ataque em Hua Hin, um tailandês morreu e outros sete ficaram feridos após uma bomba explodir em um mercado da capital da província de Trang, localizada no sul da Tailândia, região que é palco de um conflito separatista muçulmano que causou mais de 6,5 mil mortes em ataques e atentados desde 2004.

Apesar do conflito no sul, as explosões em Bangcoc e nas outras cidades do centro e do norte do país são raras.

CN/efe/afp/dpa

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos