Turquia evacua cidade na fronteira com a Síria

Ordem é dada após confrontos se intensificarem na região. Microônibus foram disponibilizados para o transporte de moradores. Turquia ampliou ataques ao "Estado Islâmico" em resposta a recentes atentados.

Após intensificar bombardeios a alvos da organização extremista "Estado Islâmico" (EI), policiais turcos pediram nesta terça-feira (23/08) que moradores da cidade de Karkamis, próximo à fronteira do país com a Síria, deixem a região, noticiou o canal turco da emissora de televisão americana CNN.

Microônibus foram disponibilizados para pessoas que precisam de transporte para deixar a cidade sitiada. Karkamis faz fronteira com a localidade síria de Jarablos, que está sob poder dos jihadistas.

A cidade turca foi atingida por dois morteiros pela manhã. A Turquia intensificou os ataques contra o EI em resposta a um atentado suicida em casamento na cidade turca de Gaziantep, na fronteira com a Síria, que matou 54 pessoas no último sábado.

A Turquia bombardeia alvos jihadistas em Jarablos para facilitar o ataque de rebeldes sírios contra militantes do EI. Segundo a organização Observatório Sírio dos Direitos Humanos e fontes de milícias de oposição ao regime de Damasco, centenas de rebeldes sírios apoiados por Ancara se preparam do lado turco da fronteira para lançar uma ofensiva terrestre sobre a localidade.

O ministro turco do Exterior, Mevlut Cavusoglu, afirmou que o EI deve ser "completamente eliminado" da região de fronteira. "Estamos prontos para fazer todo o necessário para tal", afirmou.

CN/ap/rtr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos