Socialistas espanhóis abrem caminho para formação de governo

Após dez meses de impasse político, comitê federal do Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE) decide abster-se de votação para que o conservador Mariano Rajoy assuma novamente o governo.Neste domingo (23/10), fontes do comitê federal do Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE) revelaram que o órgão decidiu por 139 votos a favor e 96 contra a abstenção do partido a uma nova candidatura à chefia do governo de Mariano Rajoy, líder do Partido Popular (PP). O Congresso dos Deputados (Parlamento) deverá reunir-se a partir de quarta-feira, esperando-se que uma primeira votação na quinta-feira impeça a investidura do líder do PP que, no entanto, passaria na segunda votação, prevista para sábado, com a abstenção dos deputados socialistas. Uma vez conhecido a posição do PSOE, que evitará a realização de novas eleições gerais dentro de um ano, o rei Felipe 6° receberá na segunda e terça-feira os representantes dos partidos para propor a Rajoy que forme um governo antes do final do mês. CA/lusa/efe/rtr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos