Dilma elogia postura de Hillary em derrota

Ex-presidente afirma que democrata demonstrou "espírito de liderança" ao reconhecer a vitória de Trump e faz referências diretas ao processo de destituição ao qual foi submetida.A ex-presidente Dilma Rousseff elogiou nesta quarta-feira (09/11) nas redes sociais a postura de Hillary Clinton que, mesmo perdendo a corrida presidencial para Donald Trump, aceitou as regras eleitorais "mesmo tendo maioria nas urnas" e reconheceu a vitória do candidato republicano. "A democracia é um sistema que prevê ganhadores e perdedores nas eleições diretas. A tradição de um democrata é reconhecer a derrota, e não articular um processo golpista de impeachment sem medir as consequências para seu país", criticou, fazendo referência direta ao processo de destituição ao qual foi submetida este ano e que sempre qualificou de "golpe". Em suas contas oficiais no Twitter e Facebook, Dilma citou ainda os "ânimos acirrados" no pleito americano, fazendo referência à polarização da última eleição presidencial brasileira, mas que "os líderes americanos [...] respeitam os resultados eleitorais" como definido pela Constituição do país. "Os líderes americanos, apesar dos ânimos acirrados, respeitam os resultados eleitorais, como define a Constituição dos EUA. Hillary Clinton mostra o espírito digno de uma liderança de tradição democrática", afirmou. "Mesmo tendo a maioria nas urnas, aceitou as regras da disputa eleitoral, reconhecendo a vitória de Donald Trump no Colégio Eleitoral. Na democracia o que importa é o respeito às regras do jogo." FC/efe/ots

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos