Polícia detém primeiro suspeito de agressão em metrô de Berlim

No final de outubro, jovem de 26 anos foi empurrada escada abaixo com um chute nas costas dentro de uma estação na capital alemã. Polícia diz ter identificado um dos rapazes que estavam com agressor no momento do crime.Quase dois meses depois de uma jovem ter sido violentamente agredida dentro de uma estação de metrô em Berlim, autoridades alemãs informaram, nesta segunda-feira (12/12), ter identificado e detido um dos rapazes que estavam na companhia do agressor no momento do crime. Na quinta-feira passada, a polícia alemã divulgou imagens de câmeras de segurança que ficam no interior da estação Hermannstrasse, localizada no bairro de Neukölln. O vídeo revela o momento exato da agressão, cometida no dia 27 de outubro por um rapaz ainda procurado pela polícia. Nas imagens, o agressor, que aparece com uma garrafa na mão e um cigarro na outra, desce as escadas da estação logo atrás da vítima, uma jovem de 26 anos. Em seguida, dá um forte chute com o pé em suas costas. Ela cai de forma violenta com o rosto no chão, vários degraus abaixo. O rapaz estava na companhia de outros três garotos, que assistiram à cena, mas logo deixaram o local sem prestar socorro à vítima. Ela fraturou um braço na queda, segundo informou a imprensa alemã. Nesta segunda-feira, o porta-voz da promotoria de Berlim, Martin Steltner, afirmou que um dos colegas do agressor foi finalmente identificado. "Ele está agora sendo interrogado", disse o porta-voz, acrescentando que as autoridades não vão divulgar mais detalhes sobre o caso por enquanto. O crime, que parece ter sido cometido de forma gratuita e sem nenhum motivo aparente, reacendeu o debate sobre violência pública na Alemanha, gerando manifestações de revolta nas redes sociais. Na internet, há quem esteja oferecendo recompensas em troca de informações sobre o suspeito. O segurança particular Michael Kuhr, dono de uma empresa que presta esse tipo de serviço em Berlim, divulgou no Facebook que abrirá mão de 2 mil euros em troca do nome e do endereço do agressor. EK/afp/dpa/ots

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos