Poluição do ar segue alarmante no norte da China

Concentração de poluentes supera limite estabelecido pela OMS em ao menos 23 cidades. Autoridades cancelam voos e adotam restrições para evitar que situação piore ainda mais.A concentração de gases poluentes em ao menos 23 cidades do norte da China atingiu níveis ainda mais preocupantes nesta segunda-feira (19/12), durante o terceiro dia do alerta vermelho de cinco dias decretado pelo país devido à qualidade do ar. Em Shijiazhuang, capital da província de Hebei, os níveis de partículas poluentes subiram para mil microgramas por metro cúbico, informou a agência de notícias estatal Xinhua. O nível de exposição diária máximo é de 25 microgramas, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). Em Tianjin, as autoridades cancelaram 131 voos e fecharam todas as rodovias depois que um nevoeiro de poluição cobriu a cidade portuária. Mesmo assim, segundo o governo local, os níveis de partículas poluentes no ar atingiram 400 microgramas por metro cúbico na cidade na manhã desta segunda. Na capital do país, Pequim, onde os níveis de poluentes estavam em 212 microgramas por metro cúbico na manhã desta segunda-feira, o cenário é bem diferente do habitual: ruas e lugares públicos vazios e trânsito com baixa circulação de veículos. Enquanto isso, o nevoeiro cinzento de poluição predomina sobre a cidade. Alerta vermelho Por causa da poluição excessiva do ar, o governo chinês adotou desde a sexta-feira passada uma série de restrições e medidas para impedir que o problema aumente ainda mais e para evitar a exposição dos cidadãos aos gases tóxicos. Entre as medidas adotadas estão um sistema de rodízio de carros, a interrupção de obras de construção civil e de linhas de produção nas indústrias. O governo também sugeriu que empresas e instituições públicas ajustassem o tempo de trabalho ou pedissem aos funcionários que trabalhassem de casa. Este é o segundo alerta vermelho decretado pela China. O primeiro foi há um ano, depois de o governo ter adotado uma escala de cores – sendo a vermelha a mais grave – para monitorar o nível de poluição no país. Este alerta pode ser emitido se houver a previsão de que um nevoeiro de gases tóxicos possa durar mais de 72 horas. De acordo com o órgão de proteção ambiental chinês, os alertas por causa da poluição são cada vez mais comuns nas províncias do norte da China, onde está localizado o coração da indústria no país. As taxas de gases poluentes são maiores nesta época, durante o inverno, quando a queima de carvão para eletricidade e aquecimento também é maior. TMS/dpa/afp/rtr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos