Bundesliga homenageia vítimas do ataque em Berlim

Nas partidas desta terça e quarta-feira, jogadores farão minuto de silêncio e usarão uma braçadeira preta, em luto. Entidades esportivas e ídolos nacionais demonstraram solidariedade nas redes sociais.A Bundesliga – campeonato alemão de futebol – prestará homenagem às vítimas do ataque ao mercado de Natal em Berlim, que deixou ao menos 12 mortos e 48 feridos nesta segunda-feira (19/12). Nas partidas desta terça e quarta-feira será feito um minuto de silêncio e os jogadores em campo usarão braçadeiras pretas. "Com esta homenagem, gostaríamos de mostrar a nossa solidariedade com as vítimas e também com os cidadãos da nossa capital", afirmou o presidente da Liga Alemã de Futebol (DFL), Reinhard Rauball, que se disse abalado com a tragédia em Berlim. O representante da DFL disse ainda que "a compaixão do futebol profissional se aplica aos sobreviventes, bem como às numerosas vítimas feridas, para quem que desejamos uma rápida recuperação". Nesta terça-feira, as partidas acontecem em quatro cidades: Dortmund, Mönchengladbach, Frankfurt e Hamburgo. Outras cinco partidas serão realizadas nesta quarta-feira, uma delas no estádio olímpico de Berlim, a sete quilômetros de onde ocorreu o atentado no mercado de Natal. A polícia afirmou que reforçaria a segurança nos locais de jogos, em especial na partida desta terça-feira entre o Eintracht Frankfurt e o Mainz, em Frankfurt. "Consideramos a situação de ameaça e aumentaremos a presença [de policiais], alguns equipados com metralhadoras, o que não é usual", informou um porta-voz da polícia à agência de notícias AFP. Atentado gera comoção no esporte O mundo do esporte se mostrou "unido" na Alemanha e ao mesmo tempo "chocado" com os últimos acontecimentos na capital do país. Diversas entidades esportivas e ídolos nacionais se manifestaram por meio das redes sociais, expressando condolências às vítimas. No Twitter, o Comitê Olímpico Alemão disse: "Estamos atordoados e tristes. Nossos pensamentos estão com as vítimas, familiares e feridos #Breitscheidplatz #Berlin". O campeão da Formula 1 Nico Rosberg escreveu no seu perfil do Twitter que os seus "pensamentos estão com as famílias e os amigos das vítimas". O bicampeão mundial de golfe Martin Kaymer fez um apelo: "Palavras não podem mais descrever o mundo em que vivemos. Não apenas reze por Berlim, reze também pelo mundo." Em sua página no Facebook, os organizadores da maratona de Berlim disseram que "estão profundamente tristes com o terrível acontecimento num mercado de Natal de Berlim". "Nossos pensamentos e orações estão com os familiares daqueles que foram mortos, e esperamos que os feridos tenham uma rápida recuperação", concluíram. TMS/afp/dpa/lusa

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos