Ford cancela planos de erguer nova fábrica no México

Automobilística americana nega ter cedido a pressões de Donald Trump e anuncia investimento de 700 milhões nos EUA. Presidente eleito ameaça GM com tarifas sobre veículos produzidos no país vizinho.A Ford anunciou nesta terça-feira (03/01) o cancelamento dos planos de erguer uma fábrica no valor de 1,6 bilhão de dólares no México. Em vez da nova unidade planejada para o estado mexicano de Sán Luis Potosí, a segunda maior empresa automobilística dos Estados Unidos vai investir 700 milhões de dólares na expansão de uma unidade existente no Michigan para produzir veículos híbridos, elétricos e de condução automatizada. Segundo a companhia, o investimento deve gerar 700 novos postos de trabalho. A empresa informou, no entanto, que a nova geração de modelos Focus será produzida na fábrica que já possui em Hermosillo, no México, para "melhorar a rentabilidade da companhia". O presidente da Ford, Mark Fields, negou que o cancelamento do investimento no México fosse uma concessão ao presidente eleito dos EUA, Donald Trump, defensor do protecionismo econômico. "Não chegamos a um acordo com Trump. Nós o fizemos por razões de negócios", garantiu. Fields comentou as promessas de Trump de redução tarifária e menos regulamentações, afirmando que essas reformas "são necessárias para impulsionar a competitividade americana". Os planos da companhia americana no México haviam sidos criticados por Trump durante a campanha presidencial. Em setembro passado, ele ameaçou aplicar tarifas alfandegárias de 35% aos veículos da Ford produzidos no país vizinho. O presidente eleito chegou a afirmar que a produção de veículos da Ford em San Luis de Potosí acarretaria em demissões nos EUA, o que Fields negou categoricamente. Pouco antes do anúncio da Ford nesta terça-feira, Trump havia criticado a General Motors (GM) e ameaçado impor tarifas à montadora ao menos que seus veículos fossem produzidos nos EUA. "A General Motors está enviando o modelo Chevy Cruze feito no México às concessionárias dos EUA sem tarifas. Fabrique nos EUA ou pague uma grande taxa alfandegária", escreveu o presidente eleito no Twitter. A empresa esclareceu que o modelo sedan do Cruze é produzido no estado americano de Ohio. "Todos os Chevrolet Cruze sedan vendidos nos Estados Unidos são produzidos na fábrica da GM em Lordstrom. A GM produz o Chevrolet Cruze de cinco portas para mercados globais no México, e um pequeno número é vendido nos Estados Unidos", disse a montadora em comunicado. RC/efe/ap/afp/dpa

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos