Coreia do Sul manda prender herdeiro da Samsung

Lee Jae-Yong, chefe efetivo da gigante de tecnologia, é suspeito de pagar milhões de dólares em subornos, no escândalo de corrupção e tráfico de influência que já levou à destituição da presidente Park Geun-Hye.O Ministério Público da Coreia do Sul emitiu nesta segunda-feira (16/01) ordem de prisão contra o herdeiro da Samsung e chefe de facto da gigante de tecnologia. Lee Jae-Yong é acusado de pagar milhões de dólares em subornos, no contexto do escândalo que já levou à destituição da presidente sul-coreana, Park Geun-Hye. A decisão foi tomada após o depoimento de 22 horas, prestado por Lee entre quinta e sexta-feira, em relação ao caso de corrupção e tráfico de influência que levou à cassação de Park. O empresário de 48 anos ocupa o cargo de vice-presidente da Samsung Electronics, mas assumiu efetivamente a direção o conglomerado depois que seu pai, Lee Kun-hee, sofreu um infarto, em outubro de 2016. O caso gira em torno de Choi Soon-Sil, amiga íntima de Park acusada de aproveitar a proximidade com a presidente para coagir grandes empresas a "doarem" dezenas de milhões de dólares a duas fundações sem fins lucrativos que posteriormente a teriam beneficiado. A Samsung foi o conglomerado que mais fez doações. A promotoria da Coreia do Sul acredita que a gigante da tecnologia assinou um contrato de 22 bilhões de wons (cerca de US$ 18,6 milhões) com uma empresa com sede na Alemanha, propriedade de Choi, além de dar apoio financeiro para que a filha dela praticasse hipismo no país e comprasse novos cavalos. A Samsung também teria doado 20,4 bilhões de wons (US$ 17,2 milhões) a uma fundação controlada por Choi, estabelecida para extorquir os grandes conglomerados do país. O Ministério Público suspeita, ainda, que os pagamentos tenham sido feitos para que o Serviço Nacional de Pensões, controlado pelo governo e acionista da Samsung, aprovasse a fusão de duas subsidiárias do grupo, apoiada pela família Lee, mas fortemente criticada como fundo de alto risco. IP/efe/lusa/rtr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos