Sobe número de mortos em avalanche na Itália

Equipes de resgate encontram mais dois corpos sob destroços de hotel soterrado, e número de vítimas sobe para 17. Autoridades dizem que operação só será encerrada após se ter certeza de que não há mais ninguém no local.O número de mortos numa avalanche que soterrou um hotel na Itália na semana passada subiu para 17 nesta terça-feira (24/01), no mesmo dia em que um helicóptero de resgate colidiu com uma montanha na região, matando outras seis pessoas. Os corpos de dois homens foram descobertos na tarde desta terça-feira, no sexto dia de buscas por sobreviventes em meio à neve e aos destroços do hotel Rigopiano, na região de Abruzzo. Doze pessoas ainda estão desaparecidas. O desastre com o helicóptero a cerca de 100 quilômetros de distância, não relacionado à tragédia do hotel, causou ainda mais tensão para as equipes de resgate. Trabalhadores tiveram que escalar parte de uma montanha para chegar ao helicóptero, que levava um praticante de ski ferido pra um hospital em Áquila. A causa do desastre ainda não foi esclarecida. Os dois primeiros funerais de vítimas da avalanche, ocorrida após fortes terremotos serem registrados na Itália, foram realizados nesta terça-feira. Alguns dos 11 sobreviventes – quatro deles crianças – passaram dias sob a neve e os destroços do hotel. Três cães foram encontrados vivos nesta segunda-feira. "Não vamos parar [com as buscas] até termos certeza de que ninguém mais está lá embaixo", disse o funcionário da defesa civil Luigi D'Angelo. "Estamos procurando no coração do prédio." Procuradores na vizinha cidade de Pescara abriram uma investigação sobre o desastre, ocorrido na última quarta-feira, considerando possíveis acusações de homicídio culposo e negligência. O hotel Rigopiano, com quatro estrelas, foi construído no início dos anos 1970, a uma altitude de 1.200 metros na cordilheira dos Apeninos. LPF/afp/rtr/dpa

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos