Peña Nieto cancela visita aos EUA

Presidente mexicano reage à insistência de Trump de que México arque com custos de muro na fronteira entre os dois países. Barreira é uma das promessas de campanha do republicano.O presidente mexicano, Enrique Peña Nieto, cancelou nesta quinta-feira (26/01) os planos de se reunir com seu homólogo americano, Donald Trump, em meio à insistência do republicano de que o México arque com os custos de um muro na fronteira entre os dois países. Peña Nieto comunicou a anulação da visita a Washington agendada para a próxima terça-feira por meio do Twitter, após uma enxurrada de pedidos de políticos de seu país nesse sentido. Por meio da rede social, Trump disse que Peña Nieto deveria cancelar a reunião na Casa Branca se o México se recusasse a pagar pelo muro, cuja construção ele ordenou por meio de decreto nesta quarta-feira. Uma das promessas de campanha do republicano, a barreira na fronteira faz parte de um pacote de medidas destinadas a conter a imigração ilegal. "Os EUA têm um deficit de 60 bilhões de dólares com o México. É um acordo de mão única desde o início do Nafta, com ampla perda de empregos e indústrias", afirmou Trump no Twitter. Numa breve mensagem televisiva nesta quarta-feira, Peña Nieto reagiu à decisão dos Estados Unidos de construir um muro na fronteira entre os dois países e à intenção de Trump de forçar o país vizinho a pagar a conta. "Lamento e condeno a decisão dos Estados Unidos de continuar com a construção de um muro que por anos nos dividiu em vez de nos unir", disse. "O México não acredita em muros. Repito o que disse outras vezes: o México não pagará por nenhum muro." LPF/rtr/afp/ap

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos