Alemanha e China reforçam comprometimento com livre comércio

Por telefone, Merkel e Xi Jinping concordam em trabalhar juntos por livre comércio e manter cooperação bilateral. Porta-voz do governo alemão fala em expansão da eletromobilidade na China.A chanceler federal alemã, Angela Merkel, e o presidente chinês, Xi Jinping, concordaram numa conversa telefônica nesta quinta-feira (16/03) em trabalhar juntos pelo livre comércio. "Eles conversaram especialmente sobre as condições de mercado para expandir a eletromobilidade na China, o que vai permitir que a indústria automobilística alemã continue a ser bem-sucedida no mercado chinês", disse o porta-voz do governo alemão, Steffen Seibert. Merkel e Xi se comprometeram a manter a cooperação bilateral, especialmente no âmbito da presidência da Alemanha no G20. A próxima reunião de cúpula das maiores economias do mundo está marcada para os dias 7 e 8 de julho, em Hamburgo. Nesta sexta-feira, Merkel irá se reunir pela primeira vez com o presidente americano, Donald Trump, em Washington. As negociações com a China ocorrem em meio a ameaças de Trump de alterar a ordem econômica global com o lema "América em primeiro lugar" ("America first") Trump retirou os Estados Unidos da Parceria Transpacífica (TPP, na sigla em inglês), ameaçou aplicar tarifas punitivas contra multinacionais que têm fábricas fora dos EUA e disse acusou a China de manipulação cambial. Em janeiro, Peter Navarro, diretor do recém-formado Conselho Nacional do Comércio da Casa Branca, afirmou que Alemanha e China usam moedas desvalorizadas para obter um superávit comercial e obter vantagens em relação aos EUA. KG/rtr/afp/dpa

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos