Explosões no metrô russo matam pelo menos dez

Detonações ocorreram no centro da cidade de São Petersburgo, no noroeste do país. Pelo menos dez pessoas morreram e cerca de 20 ficaram feridas, segundo mídia russa.Pelo menos dez pessoas morreram nesta segunda-feira (03/04) em explosões ocorridas no metrô no centro da cidade de São Petersburgo, no noroeste da Rússia. Pelo menos outras 20 teriam sido feridas, segundo a agência russa de notícias Tass. A mídia estatal do país informou que as explosões foram causadas por artefatos não identificados e teriam afetado dois vagões em duas estações. Uma das estações afetadas, Sennaya Ploshchad, se encheu de fumaça, tendo sido esvaziada, segundo veículos estatais russos. As autoridades russas fecharam outras estações da segunda maior cidade do país. De acordo com a mídia local, sete estações de metrô teriam sido interditadas e esvaziadas. Fotos divulgadas nas redes sociais mostravam feridos numa plataforma e portas destruídas de um vagão do metrô. O presidente russo, Vladimir Putin, estava na região para se reunir com seu homólogo bielorrusso, Alexander Lukashenko. Ele se encontrava na periferia de São Petersburgo no momento da explosão. MD/efe/dpa

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos