Explosões perto de ônibus do Borussia Dortmund

Polícia confirma três explosões nas imediações de veículo que transportava equipe de clube alemão de futebol para partida da Liga dos Campeões. Jogador espanhol Marc Bartra fica ferido. A causa segue incerta.Três explosões ocorreram nas imediações do ônibus que transportava a equipe do clube alemão de futebol Borussia Dortmund para uma partida da Liga dos Campeões na noite desta terça-feira (11/04), deixando um jogador ferido. As circunstâncias do incidente ainda estão sendo investigadas. (Transmissão encerrada – As atualizações seguem o horário de Brasília) 21:30 – As investigações seguem durante a madrugada, informou a polícia de Dortmund no Twitter ao publicar uma foto do local das explosões. __________________ 20:50 – A polícia de Dortmund comunicou que a rua onde ocorreu o incidente, Wittbräucker Strasse, permanecerá fechada até às 11h desta quarta-feira. __________________ 20:14 – O Borussia Dortmund lançou uma hashtag, #BedForAwayFans, para incentivar seus torcedores a acolherem em casa os fãs do Monaco, com o qual o clube alemão disputaria uma partida nesta terça-feira. Com o adiamento do jogo para o dia seguinte, muitos torcedores franceses foram confrontados com a necessidade de encontrar um alojamento em Dortmund por mais uma noite. A ideia rendeu bons resultados, e se espalharam nas redes sociais fotos de torcedores do Monaco desfrutando da hospitalidade de adeptos do clube adversário. __________________ 20:05 – "Estamos todos em choque, e nossos pensamentos estão com Marc", disse o capitão do Borussia Dortmund, o alemão Marcel Schmelzer, acrescentando que a partida contra o Monaco pela Liga dos Campeões será jogada nesta quarta-feira em homenagem ao colega de clube. "Esperamos que ele tenha uma rápida recuperação." __________________ 19:56 – O clube confirmou que o jogador Marc Bartra passou por uma cirurgia na noite desta terça-feira, "após ter faturado um osso do braço e ter detritos alojados na mão como resultado do ataque a bomba contra o ônibus da equipe do Borussia Dortmund", diz uma nota do time. __________________ 19:45 – A polícia garantiu que a segurança durante a partida entre Borussia Dortmund e Monaco nesta quarta-feira será reforçada. "Faremos tudo que for humanamente possível para garantir que o jogo ocorra em segurança", disse Gregor Lange, chefe da polícia de Dortmund. __________________ 19:19 – A Fifa e a Uefa condenaram as explosões em Dortmund nesta terça-feira. "Nossos pensamentos aqui na Fifa estão com o Borussia Dortmund, seus torcedores e o clube Monaco, depois dos incidentes inexplicáveis desta noite", disse Gianni Infantino, presidente da Fifa, que também desejou uma recuperação rápida ao jogador Marc Bartra. Já o presidente da Uefa, Aleksander Ceferin, elogiou a reação de ambos os clubes. "Foi correta a decisão de adiar a partida entre Borussia Dortmund e Monaco", disse o líder em comunicado. A segurança dos torcedores, dirigentes e jogadores é sempre a prioridade, acrescentou. __________________ 18:58 – Gregor Lange, chefe da polícia de Dortmund, afirmou que "o risco de um ataque terrorista não é novidade nos dias de hoje". "Estamos nos preparando para isso há muito tempo. Não quero sugerir que esse tenha sido um ataque terrorista. Está tudo sendo ainda investigado. Precisamos ser cuidadosos. Está sendo investigado com muito profissionalismo", disse o oficial em entrevista coletiva. __________________ 18:38 – Sascha Fligge, diretor de comunicação do clube Borussia Dortmund, informou em coletiva de imprensa que o jogador Marc Bartra precisou passar por uma cirurgia. Ele teve ferimentos no braço e uma fratura num osso do punho direito, disse o porta-voz. __________________ 18:32 – Segundo a procuradora Sandra Lücke, uma carta foi encontrada nas imediações de onde ocorreram as explosões. O objeto está sendo examinado intensivamente. Sem dar mais detalhes sobre o conteúdo, a oficial disse apenas que "a carta assume a responsabilidade dos atos". __________________ 18:28 – A polícia afirmou, no entanto, que as circunstâncias do ataque ainda não estão claras. Por enquanto, os investigadores não descartam nenhuma possibilidade. __________________ 18:20 – As explosões desta terça-feira foram, segundo a polícia, um ataque direcionado ao clube Borussia Dortmund, informou o chefe da polícia local, Gregor Lange, em coletiva de imprensa. __________________ 18:03 – Em mensagem publicada no Twitter, o porta-voz do governo alemão, Steffen Seibert, desejou melhoras ao jogador Marc Bartra e elogiou a atitude dos torcedores do Monaco. "Hoje todos estamos com o Borussia Dortmund", escreveu. __________________ 17:50 – O clube Borussia Dortmund informou no Twitter que todas as visitas guiadas marcadas para esta quarta-feira no estádio Signal Iduna Park, em Dortmund, precisaram ser canceladas. __________________ 17:40 – O goleiro suíço Roman Bürki, que joga no Borussia Dortmund, relatou à imprensa de seu país que o colega Marc Bartra foi atingido por estilhaços de vidro que partiram das janelas do ônibus após as explosões. Ele disse ainda que o espanhol estava sentado na última fileira do ônibus. "O ônibus dobrou na rua principal, quando houve um barulho enorme. Uma grande explosão. Todos se agacharam. Quem conseguiu, deitou-se no chão. Não sabíamos se haveria mais", disse. As explosões ocorreram na rua Wittbräucker Strasse, a cerca de dez quilômetros do estádio Signal Iduna Park. __________________ 17:28 – A polícia de Dortmund comunicou que novas informações devem ser divulgadas em coletiva de imprensa marcada para as 23h no horário local, 18h em Brasília. __________________ 17:10 – Em novas declarações, a polícia de Dortmund afirmou que os investigadores trabalham com a hipótese de que as explosões foram causadas "por dispositivos explosivos sérios", mas não deu muitos detalhes. Segundo a polícia, esses explosivos "podem ter sido escondidos numa cerca perto de um estacionamento" nas proximidades do hotel. __________________ 17:03 – O presidente da Espanha, Mariano Rajoy, disse estar preocupado com o incidente em Dortmund e desejou melhoras ao jogador espanhol que ficou ferido. "Acompanhando as informações que chegam de Dortmund e a evolução da saúde de Marc Bartra, a quem desejo uma rápida recuperação", escreveu Rajoy no Twitter. __________________ 16:57 – A polícia de Dortmund agradeceu aos torcedores por terem deixado o estádio sem grandes tumultos. "Grande aplauso aos visitantes do estádio. Sem qualquer problema, quase todo mundo já deixou o local e segue para casa", informou o órgão no Twitter. __________________ 16:41 – O clube espanhol Barcelona expressou apoio ao zagueiro Marc Bartra, que chegou a jogar pelo time antes de ser transferido para a Alemanha. "Todo nosso apoio para Marc Bartra, Borussia Dortmund e seus fãs", diz uma mensagem publicada na conta oficial do Barcelona no Twitter. __________________ 16:32 – Uma foto publicada pelo Borussia Dortmund no Twitter mostra os torcedores deixando o estádio na noite desta terça-feira, com uma mensagem sobre o cancelamento da partida no telão. __________________ 16:24 – Segundo a porta-voz da polícia de Dortmund Nina Vogt, os investigadores ainda não sabem a origem ou motivação das três explosões. O órgão informou que um drone está sobrevoando a cidade a fim de descartar a existência de possíveis novos explosivos. __________________ 16:12 – O clube confirmou que a partida contra o Monaco pela Liga dos Campões será realizada nesta quarta-feira às 18h45, no horário local. Os ingressos para o jogo que ocorreria nesta terça-feira continuam válidos. __________________ 16:05 – O chefe executivo do Borussia Dortmund, Hans-Joachim Watzke, informou que o zagueiro Bartra teve ferimentos no braço e na mão e já está sendo tratado. Ele deixou claro que as lesões não oferecem risco de morte. __________________ 15:50 – O clube Borussia Dortmund confirmou que o ferido na explosão é o jogador espanhol Marc Bartra, que se encontra num hospital. __________________ 15:30 – O time estava a caminho do estádio para enfrentar o Monaco pelas quartas de final da Liga dos Campeões. A partida foi adiada para esta quarta-feira. Um porta-voz do estádio disse aos torcedores que não há motivo para pânico no local. __________________ 15:15 – Explosivos foram detonados por volta das 19h, pouco depois de o veículo deixar o hotel em que a equipe estava hospedada, a poucos quilômetros do estádio do clube, Signal Iduna Park, em Dortmund. O ônibus ficou parcialmente danificado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos