Portugal vence Festival Eurovisão 2017

Carlos Albuquerque

Com uma balada jazzística, Salvador Sobral traz pela primeira vez para os portugueses uma vitória no Festival Eurovisão da Canção, que neste ano se realizou em Kiev. "Ele é bom demais", disse Caetano Veloso.Portugal venceu na madrugada deste domingo (14/05) o 62° Festival Eurovisão da Canção com Amar pelos dois, música cantada por Salvador Sobral e composta por sua irmã, Luisa Sobral, na grande final do concurso realizada em Kiev. O cantor português, que desbancou de última hora a Itália nas casas de apostas, arrasou tanto nos votos dos telespectadores como nos do júri. Sobral, de 27 anos, ganhou entre os jornalistas, críticos, mas sobretudo entre o público. Esta é a primeira vez na história que Portugal ganha o Festival Eurovisão. O jovem búlgaro Kristian Kostov, de somente 17 anos, ficou na segunda colocação deste ano, seguido por Sunstroke Project, da Moldávia. Sobral cantou uma balada jazzística que conquistou o público e os jurados em toda a Europa. Sua interpretação intimista se destacou da maioria das apresentações acompanhadas por efeitos visuais, holofotes e muita encenação. Após o anúncio da vitória, Salvador Sobral subiu ao palco e cantou junto à sua irmã, Luisa Sobral, que compôs a canção vencedora. Na ocasião, ele defendeu que "música não são fogos de artifício", numa clara alusão ao burburinho de luzes e cores do Festival Eurovisão. "Música é sentimento", disse Cabral. Quem escuta Amar pelos dois não deixar de lembrar-se, em alguns momentos, das baladas intimistas de Chico Buarque. No sábado, Caetano Veloso manifestou a sua preferência por uma vitória de Salvador Sobral no Festival Eurovisão, num vídeo que publicou na rede social Facebook. "Eu quero que o Salvador Sobral ganhe o festival da Eurovisão. Ele é bom demais", disse o cantor no vídeo em que aparece assistindo ao concurso na televisão, e no qual começa por dizer em inglês que deseja uma vitória do representante português, repetindo depois o mesmo desejo em português. Festival Eurovisão da Canção O Festival Eurovisão da Canção ou Eurovision Song Contest é organizado pela cadeia de televisões europeia European Broadcasting Union (EBU). Esta união pode conseguir uma audiência de aproximadamente um sexto da população mundial. Qualquer membro da EBU pode participar no concurso, mesmo que não seja um país europeu. Neste ano os finalistas do Eurovision foram: Portugal, Moldávia, Azerbaijão, Grécia, Suécia, Polônia, Armênia, Austrália, Chipre, Bélgica (classificados na primeira semifinal), Áustria, Romênia, Holanda, Hungria, Dinamarca, Croácia, Noruega, Bielorrússia, Bulgária, Israel (classificados na segunda semifinal). Além deles, participam França, Alemanha, Itália, Espanha, Reino Unido (os denominados "cinco grandes", por serem os maiores pagadores) e a Ucrânia (país anfitrião). Além de nações europeias e asiáticas, países como Austrália e Israel também participam do Festival. No ano passado, o concurso foi transmitido para mais de 200 milhões de telespectadores em todo o mundo. Na plateia do festival deste ano, estava o prefeito de Kiev e ex-campeão mundial dos pesos pesados, Vitaly Klitschko. O presidente ucraniano, Petro Poroshenko, cancelou a sua presença no evento, devido a um atentado fatal no leste da Ucrânia. Pelo Facebook, Poroshenko parabenizou Sobral pela vitória.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos