Ministra francesa renuncia após partido ser alvo de investigação

Sylvie Goulard pede para ficar de fora do governo Macron em meio a escândalo de empregos fictícios no Parlamento Europeu, supostamente criados por sua legenda. "Desejo estar em condições para demonstrar minha boa-fé."A ministra francesa da Defesa, Sylvie Goulard, anunciou nesta terça-feira (20/06) sua renúncia ao cargo em meio a um escândalo de empregos fictícios envolvendo seu partido, o Movimento Democrático (MoDem). Goulard, que atuou como eurodeputada de 2009 a maio deste ano, disse que não poderia permanecer no governo por poder vir a ser alvo de uma investigação. Seu partido, aliado do partido República em Marcha! (LREM), do presidente Emmanuel Macron, é alvo de um inquérito por suposto uso abusivo de recursos do Parlamento Europeu na contratação de assistentes fictícios. "Desejo estar em condições para demonstrar minha boa-fé", afirmou a ministra, nomeada por Macron em maio. "A honra do nosso Exército, dos homens e mulheres que põem suas vidas em risco, não deve ser misturada com as controvérsias que nada tem a ver com eles." No dia 9 de janeiro deste ano, foi aberto um inquérito para averiguar se o MoDem usou recursos europeus para pagar o salário de funcionários do partido na França, que teriam assinado contratos como assistentes no Parlamento Europeu. O líder do partido, o ministro da Justiça François Vayrou, nega as acusações. Nesta segunda-feira, Macron anunciou a remodelação do governo logo após conquistar maioria absoluta no Parlamento francês nas eleições legislativas do último domingo. Macron aceitou a renúncia de Goulard, dizendo respeitar a escolha dela. A saída dela é a segunda baixa no ministério do novo presidente. Nesta segunda-feira, Macron pediu que Richard Ferrand, ministro da Coesão Territorial e ex-secretário-geral do LREM, deixe o governo por ser alvo de uma investigação em um caso de suposto nepotismo. RC/rtr/lusa/efe

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos