"Ninguém na família real que ser rei", diz príncipe Harry

Em entrevista a revista, o 5º na linha de sucessão ao trono britânico diz que quem assumi-lo o fará "pelo bem da população". Ele relembra morte da mãe, a princesa Diana, e diz levar uma vida simples.O príncipe Harry, do Reino Unido, afirmou em entrevista à revista americana Newsweek que não acredita que alguém na família real britânica deseje se tornar rei ou rainha, afirmando que é mais um dever do que um desejo que os leva a continuar servindo a população. "Estamos envolvidos com a modernização da monarquia britânica. Não o fazemos por nós mesmos, mas pelo bem maior da população", disse Harry na entrevista, publicada nesta quarta-feira (21/06). "Existe alguém na família real que queira se tornar rei ou rainha? Acho que não, mas cumpriremos nossos deveres no momento certo." A rainha Elizabeth 2ª, de 91 anos, assumiu o trono britânico em 1952. Ela é a monarca de idade mais avançada em todo o mundo e a que reina há mais tempo. Harry, de 32 anos, é o quinto na linha de sucessão ao trono britânico. Ele diz que sua família deseja continuar o trabalho desenvolvido por sua avó. O príncipe relembrou o dia do funeral de sua mãe, em 1997, quando ele e o irmão William, juntamente com outros membros da família, caminharam pelas ruas de Londres no cortejo fúnebre da princesa, morta nm acidente de automóvel em Paris. "Minha mãe tinha acabado de morrer e eu tive que andar por um longo percurso atrás de seu caixão, cercado de milhares de pessoas que me observavam, além de outros milhões que assistiam pela televisão", disse. "Não acho que criança alguma deveria ter de passar por isso, sob nenhuma circunstância. Acho que isso não aconteceria hoje." Na ocasião, Harry tinha apenas 12 anos de idade. O príncipe contou que leva uma vida simples. Ele mesmo faz suas compras, e disse que continuaria a fazê-lo "mesmo se fosse o rei". Harry vive numa residência de dois quartos no centro de Londres enquanto seu irmão e sua cunhada, Kate Middleton, moram num apartamento de 22 cômodos no palácio real. "As pessoas se impressionariam com a vida comum que eu e Willian levamos", disse Harry. "Minha mãe teve grande papel nisso, ao me mostrar uma vida normal, inclusive me levando, junto com meu irmão, para visitar moradores de rua. Graças a Deus que não estou completamente desconectado da realidade." RC/rtr/ap/ots

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos