1977: Blecaute em Nova York

Jens Teschke

Na noite de 13 para 14 de julho de 1977, o caos total atingiu a cidade de Nova York durante um blecaute causado pela queda de raios.O dia 13 de julho de 1977 foi de muito calor em Nova York: 33 graus Celsius registravam os termômetros ao meio-dia, e quando a noite chegou a temperatura continuava alta. A tempestade que vinha do Atlântico trazia a promessa de uma noite mais fresca. Raios iluminavam os arranha-céus da cidade. Às 21h34 as luzes começaram a piscar nos arranha-céus de Manhattan, até se apagarem de vez. A energia só voltaria 25 horas depois. Estátua da Liberdade iluminada Apenas os bairros abastecidos pela energia vinda da vizinha Nova Jersey continuaram com luz. Inclusive a Estátua da Liberdade, símbolo de Nova York. O blecaute, causado por raios que atingiram linhas de transmissão e uma subestação elétrica, paralisou diversos setores da metrópole. Metrôs ficaram parados, elevadores foram trancados, a Broadway ficou às escuras. Só hospitais e outros centros de emergência dispunham de geradores próprios. Vinte minutos depois do início do blecaute, o prefeito decretou estado de emergência: em 1977, Nova York tinha o mais alto índice de criminalidade do mundo. Saques e depredações O submundo parecia ter esperado pela oportunidade. Na escuridão absoluta daquela noite de 13 para 14 de julho, o bairro de Harlem foi praticamente devastado. Vitrines foram quebradas, todas as lojas foram depredadas e os ladrões levaram o que puderam. A polícia conseguiu deter "apenas" 1.500 pessoas, uma pequena porcentagem dos que se aproveitaram da falta de luz. No dia seguinte, o prefeito decretou feriado, para dar aos moradores a oportunidade de repararem os danos. Além disso, como a energia só retornou aos poucos, era grande o perigo de colapso, caso os edifícios de escritórios ligassem seus aparelhos de ar condicionado de uma só vez. Em contrapartida ao grande blecaute de 1965, desta vez não se repetiu a onda de nascimento de bebês nove meses depois.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos