1981: Casamento de Charles e Diana

Klaudia Pape (ms)

No dia 29 de julho de 1981, o Reino Unido celebrava o casamento do príncipe Charles com a jovem Diana. O "casamento do século" foi televisionado ao vivo para todo o mundo. O conto de fadas terminou, porém, em 1992.Love, love, love. A música dos Beatles estava sendo transmitida ininterruptamente pelas emissoras de rádio do Reino Unido. Às 7 horas da manhã, o noticiário falava sobre os distúrbios em Liverpool, a fuga de Bani-Sadr para Paris e ainda sobre a previsão do tempo, que naquele dia seria excelente. Entretanto, a mais importante notícia daquela manhã era: "Lady Diana está acordada desde as 6 horas. Ela se sente muito bem. Chegou o grande dia para os britânicos, o dia do casamento de conto de fadas. O príncipe Charles irá transformar a bela e tímida auxiliar de jardim de infância Diana Spencer em sua princesa, e deixar muito feliz toda a nação". Após a cerimônia religiosa, quando o casal saiu da catedral e embarcou na carruagem para ir à recepção organizada pela rainha, a multidão, que havia tomado conta de Londres, extravasou toda a sua alegria. Cerca de 600 mil pessoas, grande parte vinda do interior do país, estavam nas ruas, acenando bandeirinhas, comemorando com sanduíches e espumante, dançando, transformando o casamento real numa grande festa popular. A confusão no trânsito era algo sem precedentes na cidade. Espetáculo global Seiscentos milhões de telespectadores de todo o mundo acompanharam pela tevê a transmissão ao vivo do matrimônio do século. A alegria reinava em todos os cantos. O ponto alto das comemorações aconteceu quando o casal apareceu na sacada do Palácio de Buckingham. Charles fez, então, o que todos esperavam ansiosamente e beijou Diana. Para o príncipe, 12 anos mais velho que Diana, não era nada tão excepcional ser alvo da mídia. Algum tempo depois, chegou a comentar: "Com certeza eu me acostumei melhor que Diana, eu sei que as câmeras estão apontadas por todos os lados e até certo ponto a gente aceita e se conforma com isso, como parte da nossa vida. Quem não se acostuma pode ficar maluco logo. E você, Diana, não acredita que nos últimos seis meses se acostumou um pouco com isto?" A verdade é que ela nunca conseguiu se acostumar. Mas nesse dia 29 de julho de 1981, tudo transcorreu conforme planejado: a noiva conteve o nervosismo, os cavalos desfilaram direitinho, ninguém esqueceu seu discurso, ninguém disparou uma arma ou detonou uma bomba.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos