Robert Menasse recebe Prêmio Alemão do Livro de 2017

Escritor austríaco é agraciado com o prêmio máximo da literatura alemã pelo romance "Die Hauptstadt", que tem a União Europeia como pano de fundo.O romance Die Hauptstadt (A capital, em tradução livre), do escritor austríaco Robert Menasse, foi agraciado nesta segunda-feira (09/10) com o Prêmio Alemão do Livro de 2017, maior premiação literária da Alemanha.

Bruxelas foi o cenário escolhido por Menasse para o seu romance. A UE, suas contradições, complexidades e burocracia são elementos centrais da obra. No livro, o autor traça ainda um panorama reluzente da elite europeia por meio de seus personagens, cujas histórias se entrelaçam.

De acordo com o júri, a obra entrelaça de uma maneira perfeita questões essenciais do privado e da política. Os jurados destacaram o lado humano da obra para sustentar a escolha: o livro deixa claro que "a economia por si só não pode garantir um futuro pacífico".

Pelo prêmio máximo da literatura alemã, anunciado nas vésperas da Feira do Livro de Frankfurt, o autor de 63 anos receberá 25 mil euros. O livro de Menasse concorria com mais de 200 títulos lançados em Alemanha, Áustria e Suíça.

Menasse nasceu em Viena em 1954 em uma família judia. Ele é um defensor da Europa supranacional e escreveu vários ensaios e livros sobre ideias europeias. O austríaco foi professor visitante no Brasil entre 1981 e 1988, e publicou duas obras que se passam no país: Espelho cego e A certeza sensível.

O Prêmio Alemão do Livro é o mais importante da literatura alemã e é entregue desde 2005. No ano passado, o escritor Bodo Kirchhoff foi o vencedor com o romance Widerfahrnis.

CN/afp/dpa

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos