Velejadoras americanas são resgatadas após cinco meses à deriva

Marinha dos EUA localiza mulheres e seus dois cães no Oceano Pacífico. Após motor da embarcação quebrar, tripulantes sobreviveram graças a água dessalinizada e alimentos desidratados.Duas velejadoras americanas e seus cães foram resgatados após ficarem quase cinco meses perdidas no Oceano Pacífico, comunicou a Marinha dos Estados Unidos na quinta-feira (26/10). Eles sobreviveram bebendo água dessalinizada e alimentos desidratados.

Jennifer Appel, Tasha Fuiaba e seus dois cães iniciaram a viagem no Havaí e planejavam navegar os cerca de 2 mil quilômetros até o Taiti a bordo de um pequeno veleiro. Em 30 de maio, o motor da embarcação quebrou em meio ao mau tempo, mas elas acreditavam poder chegar ao destino apenas com as velas, embora o mastro também tenha sofrido danos.

"Após dois meses de travessia e muito tempo depois da duração estimada para concluir a viagem até o Taiti, elas começaram a emitir pedidos de socorro. As duas [velejadoras] continuaram enviando os pedidos diariamente, mas não estavam perto o suficiente de outras embarcações ou estações em terra", disse a Marinha americana.

O veleiro das americanas foi avistado na terça-feira por um pesqueiro taiwanês, que comunicou a Guarda Costeira dos EUA em Guam. Appel, Fuiaba e seus cães foram resgatados pela Marinha americana a cerca de 1.500 quilômetros a sudeste do Japão – a milhares de quilômetros de seu destino final.



"Eles salvaram nossas vidas. O orgulho e os sorrisos que tivemos quando vimos [a Marinha dos EUA] no horizonte foi um alívio puro", disse Appel.

Imagens divulgadas pela Marinha americana mostram uma das velejadoras mandando beijos em direção ao navio de resgate, com os dois cachorros com coletes salva-vidas e latindo no convés do veleiro.



Appel explicou que eles sobreviveram meses no mar graças a um purificador de água – que chegou a quebrar, mas conseguiram consertar – e a uma provisão suficiente para um ano de alimentos desidratados, como aveia e macarrão.

Ela contou também que contabilizou ter enviado pedidos por socorro por 98 dias – sempre sem resposta. Todos a bordo aparentavam estar em boas condições de saúde no momento do resgate.

PV/ap/afp

----------------

A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas. Siga-nos no Facebook | Twitter | YouTube | WhatsApp | App

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos