Alemão confunde abobrinha com bomba da 2° Guerra Mundial

  • picture-alliance/dpa/Polizeipräsidium Karlsruhe

    A "abobrinha explosiva" encontrada no quintal de um idoso no sul da Alemanha

    A "abobrinha explosiva" encontrada no quintal de um idoso no sul da Alemanha

Octogenário do sul do país alertou autoridades sobre suposto explosivo em seu quintal, mas policiais concluíram que se tratava de alarme falso. O objeto não passava de uma planta de cinco quilos. A polícia da pequena cidade de Bretten, no estado alemão de Baden-Württemberg, recebeu uma chamada alarmante na última quinta-feira (02). Um homem de 81 anos afirmou que havia encontrado uma bomba não detonada da Segunda Guerra Mundial em seu quintal.

Depois de chegarem ao local, os policiais se aproximaram para analisar o material. Não se tratava de uma bomba, mas sim de uma abobrinha escura de 40 centímetros de comprimento e que pesava cerca de cinco quilos.

Concluindo que o vegetal não apresentava qualquer ameaça, a polícia decidiu então cancelar o envio de homens de um esquadrão antibombas.

Em um comunicado, a polícia apontou que provavelmente "uma pessoa desconhecida jogou a abobrinha no jardim". Aliviado com as conclusões da polícia, o octogenário tratou de pessoalmente descartar a planta, afirmou o comunicado.

Mais de 70 anos após o fim da Segunda Guerra, ainda é comum que bombas não detonadas sejam encontradas no território alemão. Em agosto, o aeroporto de Tegel, em Berlim, teve que ser fechado temporariamente para a remoção de uma bomba de cem quilos.

Em julho, uma prisão em Regensburg foi evacuada até que uma bomba encontrada em uma área próxima fosse removida. Em setembro, 60 mil pessoas foram evacuadas em Frankfurt por causa de outra antiga bomba.

Também não é incomum que frequentadores das praias no norte do país encontrem fragmentos de antigas bombas de fósforos, que podem ser confundidas com pedras de âmbar, uma resina fóssil usada na fabricação de joias.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos