Arábia Saudita anuncia abertura de cinema

Depois de mais de 35 anos de proibição, primeiro cinema será inaugurado na capital Riad em abril. Empresa americana planeja abrir mais de 40 salas em 15 cidades do país nos próximos cinco anos.O Ministério da Cultura e Informação da Arábia Saudita anunciou nesta quarta-feira (04/04) a abertura do primeiro cinema no país após mais de 35 anos de proibição. O cinema será inaugurado na capital Riad em 18 de abril.

A gigante americana AMC Entertainment Holdings recebeu a primeira licença para operar cinemas no país. A empresa pretende abrir mais de 40 salas em 15 cidades nos próximos cinco anos.

O banimento dos cinemas no país foi suspenso no ano passado, como parte de uma iniciativa de modernização da sociedade liderada pelo príncipe herdeiro saudita Mohammed bin Salman. Entre as medidas deste projeto, que visa ainda diversificar a economia, está a suspensão da proibição de mulheres conduzirem veículos.

Na década de 1970, a Arábia Saudita possuía alguns cinemas, no entanto, eles foram banidos na década de 1980 sob pressão dos islâmicos, num período em que a sociedade saudita se voltou para uma forma particularmente conservadora do islamismo que desencorajava o entretenimento e que homens e mulheres fossem vistos juntos em locais públicos.

Com a proibição, milhares de sauditas viajavam para Bahrain, Emirados Árabes Unidos e outros países próximos para consumir certos produtos de entretenimento. Além disso, filmes e séries americanas costumam ser assistidos pelos sauditas em suas casas.

"A reabertura de cinemas ajudará a impulsionar a economia local, aumentando os gastos das famílias com entretenimento e apoiando a criação de empregos no reino", afirmou o ministro saudita da Cultura e Informação, Awwad Alawwad, em comunicado.

Segundo uma fonte ouvida pela agência de notícias Reuters, as salas de cinemas não devem ser segregadas por gênero como a maioria dos lugares públicos na Arábia Saudita.

CN/afp/rtr

----------------

A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas. Siga-nos no Facebook | Twitter | YouTube | WhatsApp | App

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos