Macron recebe Prêmio Carlos Magno

Presidente francês é homenageado por apoio à integração europeia e aproveita ocasião para, com um alerta à resistência alemã, defender suas ambiciosas reformas na UE.O presidente da França, Emmanuel Macron, recebeu nesta quinta-feira (10/05) o Prêmio Carlos Magno, por oferecer "a visão de uma nova Europa", e aproveitou a ocasião para pressionar a Alemanha a embarcar em seus planos de reformar a União Europeia.

Em discurso na cidade de Aachen, no oeste alemão, Macron disse que a UE não pode demostrar fraqueza e divisões, justo no momento em que enfrenta uma série de ameaças vindas de fora do bloco e o ressurgimento do nacionalismo dentro de suas fronteiras.

Para ele, já passou da hora de Berlim deixar de lado sua fixação no superávit econômico, algo que, afirmou, só foi conseguido às custas dos outros. Segundo Macron, a Europa precisa ser mais ambiciosa em suas finanças para levar harmonia econômica e fiscal aos Estados-membros.

"É por isso que acredito numa zona do euro mais profundamente integrada, com seu próprio Orçamento, para permitir investimentos e convergência", disse Macron, o segundo presidente francês em exercício a receber o prêmio.

Antes da premiação, a chanceler federal alemã, Angela Merkel, elogiou os esforços de Macron pela integração europeia. Porém, é justamente a Alemanha que vem sendo o maior obstáculo para os planos de Macron de reformar o bloco.

Desde que Macron chegou ao poder, Merkel reage com ceticismo às principais ideias do presidente francês. Entre elas, está a de transformar o fundo de resgate financeiro da UE em um Fundo Monetário Europeu, que serviria para amortecer futuras crises financeiras no bloco. Ele propõe ainda a criação de um Ministério das Finanças europeu e chegou a sugerir a definição de um orçamento para a zona do euro.

O Prêmio Carlos Magno é entregue desde 1950 pela cidade alemã de Aachen a pessoas que contribuíram para a integração europeia. No ano passado, o agraciado foi o historiador britânico Timothy Garton Ash. Em 2016, a distinção foi concedida ao papa Francisco.

-----------------

A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas. Siga-nos no Facebook | Twitter | YouTube | WhatsApp | App | Instagram

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos