PUBLICIDADE
Topo

Merkel pede compreensão por alemães do leste

29/09/2018 12h07

Às vésperas do Dia da Unidade Alemã, chanceler diz entender insatisfação sentida por parcela da sociedade nas regiões da antiga Alemanha Oriental. Segundo ela, unificação do país levou a "duras mudanças" para muitos.Nas vésperas do Dia da Unidade Alemã, a chanceler federal alemã, Angela Merkel pediu compreensão pela insatisfação de muitos cidadãos do leste do país, em entrevista publicada neste sábado (29/09) pelo jornal Augsburg Allgemeinen.

A chefe de governo frisou que a reunificação da Alemanha é uma história de sucesso mas salientou que a unidade levou a "duras mudanças”, como casos de alemães-orientais que não conseguiram mais exercer suas profissões originais na Alemanha unificada. "Muitas pessoas perderam seus empregos, tiveram que começar de novo a partir do zero. "Muitas pessoas perderam seus empregos, tiveram que começar de novo. O sistema de saúde, o sistema de aposentadorias – tudo mudou”, ressaltou Merkel.

Merkel ressaltou o fato de que no dia da unificação monetária, 13% das pessoas na região oriental do país trabalhavam na agricultura – um dia depois, elas eram somente 1,5%.

Mas ela ressaltou que essas mudanças "nunca são uma justificativa para o ódio e a violência"

Além disso, a líder alemã reconheceu que o desafio da migração provocou uma "nova cisão” entre os dois lados da Alemanha, ponderando que isso não deve levar a um "envenenamento dos debates” em torno do tema. "Destemperos de linguagem não devem ser tolerados”, alertou, se referindo indiretamente a protestos xenófobos de extremistas de direita, como os ocorridos em Chemnitz. A líder alemã lembrou que ela própria sentiu na pele, durante a última campanha eleitoral, o ódio que o tema migração provoca em alguns setores da sociedade de regiões da antiga Alemanha Oriental.

Celebrado na próxima quarta-feira, o Dia da Unidade Alemã celebra a reunificação alemã, completada oficialmente em 3 de outubro de 1990, quando a República Democrática Alemã foi incorporada à República Federal Alemã.

MD/epd/kna

----------------

A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas. Siga-nos no Facebook | Twitter | YouTube | WhatsApp

| App | Instagram | Newsletter