PUBLICIDADE
Topo

Bolsonaro anuncia André Luiz de Almeida Mendonça para chefiar AGU

21/11/2018 13h33

Presidente eleito confirma corregedor-geral da União para substituir a ministra Grace Mendonça, nomeada por Michel Temer. Advocacia-Geral da União pode perder status de ministério.O presidente eleito Jair Bolsonaro confirmou nesta quarta-feira (21/11) o nome do advogado André Luiz de Almeida Mendonça para chefiar a Advocacia-Geral da União (AGU).

"Informo a todos que a Advocacia-Geral da União será liderada pelo senhor André Luiz de Almeida Mendonça, advogado com ampla vivência e experiência no setor", escreveu Bolsonaro em sua conta no Twitter.



Com mestrado em "Corrupção e Estado de Direito" e doutorando em "Estado de Direito e Governança Global", ambos pela Universidade de Salamanca, na Espanha, Mendonça é advogado da União desde 2000 e foi procurador seccional da União em Londrina. Em 2008, ele foi nomeado Diretor do Departamento de Patrimônio Público e Probidade Administrativa da Procuradoria-Geral da União.

Ao longo de sua carreira, Mendonça atuou em áreas de transparência e combate à corrupção em parceria com a Controladoria-Geral da União. Em 2016, ele assumiu o cargo de corregedor-geral da AGU.

Mendonça vai substituir a ministra Grace Mendonça, que é advogada da União desde 2001 e chefia a AGU desde setembro de 2016. Ela foi nomeada pelo presidente Michel Temer e foi a primeira mulher a assumir o comando da pasta.

Ainda é incerto se a AGU manterá o status de ministério que possui atualmente, sob Temer – a equipe de transição ainda não confirmou a mudança.

PV/abr/ots

______________

A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas. Siga-nos no Facebook | Twitter | YouTube

| WhatsApp | App | Instagram | Newsletter