Topo

Mulheres na luta pelo meio ambiente

20/11/2019 06h41

Nesta edição você confere exemplos de força feminina em iniciativas de proteção ambiental e muito mais.No Futurando desta semana vamos mostrar a rotina de uma brasileira que recolhe materiais recicláveis há quase 20 anos e, com isso, conseguiu cuidar de quatro filhos. Agora, ela lidera outras mulheres numa cooperativa de reaproveitamento de resíduos. O próximo passo é envolver de maneira mais intensa a comunidade para que mais objetos sejam recolhidos e, assim, todo mundo consiga ganhar um pouco mais.

Você vai conhecer ainda a história de Norina e Laura, duas cientistas que trabalham no Parque Nacional da Gorongosa, em Moçambique. Elas participam de um projeto mundial para criar um banco de dados de genes. A ideia da iniciativa é melhorar nossa compreensão sobre a diversidade de formas de vida na Terra. Inseridas em uma realidade onde muitas meninas se casam e têm filhos antes de terminar a escola, Norina e Laura querem servir de exemplo e encorajar as jovens a também seguir carreira na ciência.

Dunas são bonitas, mas podem se tornar um problema quando se deslocam. Acabam, por exemplo, engolindo casas, desertificando áreas habitadas. E o deslocamento ocorre por um desequilíbrio no meio ambiente. Falta de árvores é um dos motivos e no programa você confere a mobilização dos moradores do Níger para evitar o avanço da desertificação do país.

Por outro lado, a areia é uma riqueza bastante cobiçada e fundamental para a expansão das cidades. Toneladas são retiradas do rio Mekong, no Camboja, e enviadas a canteiros de obras nas metrópoles. O problema é que a extração indiscriminada tem causado danos à população ribeirinha. O Mekong está invadindo vilas e arrastando casas inteiras.

Tem como deixar de usar areia na construção civil? Que alternativas já existem? Aliás, existem alternativas? O Futurando vai mostrar um tijolo feito de terra, tão abundante mundo afora. Além de reduzir a necessidade do concreto, o material ajuda a deixar o ambiente mais fresco.

O programa

O Futurando traz novidades sobre ciência, meio ambiente e tecnologia e é produzido todas as semanas pela redação brasileira da Deutsche Welle, em Bonn, na Alemanha.

O programa é exibido, no Brasil, pelo Canal Futura às terças-feiras, às 22h30 com reprise às quartas 16h30, quintas, sábados e segundas; pela Rede Minas aos sábados, às 14h30, com reprise às sextas-feiras, às 13h30; pela TV Brasil todas as terças, às 21h45, com reprise às quintas, às 3h15; pela TV Cultura às segundas-feiras às 19h15; pela TV Câmara Tupã todos os sábados às 18h, com reprise às terças-feiras, às 19h40 e pela TV Climatempo aos sábados às 9h30, com reprise às terças e aos domingos. Você também pode ver vídeos do programa no Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro.

O Futurando é transmitido ainda em Moçambique pela Rede Tim, aos sábados, às 14h30.

Notícias