UOL Notícias Notícias
 

09/03/2006 - 16h54

Dados básicos da República da Colômbia

SITUAÇÃO: A Colômbia se encontra localizada no extremo noroeste da América do Sul, com litorais para o Oceano Pacífico, a oeste (1.300 km), e para o Caribe, ao norte (1.600 km).

O país faz fronteira a noroeste com o Panamá (225 km), ao nordeste e leste com a Venezuela (2.219 km), ao sudeste com o Brasil (1.643 km), ao sul com o Peru (1.496 km) e a sudoeste com o Equador (590 km).

SUPERFÍCIE: A Colômbia tem uma superfície terrestre de 1.138.910 km², divididos em 32 departamentos.

POPULAÇÃO: 42.954.279 (2005) CAPITAL: Bogotá Distrito Capital, com 7 milhões de habitantes.

IDIOMAS: Espanhol e dialetos indígenas.

RELIGIÃO: Majoritariamente católica, embora se reconheçam outras minoritárias em igualdade de condições pelo Estado como a judia, a evangélica e a muçulmana. O Estado é laico.

ESTADO: A Colômbia é regida pela Constituição de 1991 e se define como um Estado social de direito. Várias vezes reformada desde então, a Carta Política de 1991 substituiu a de 1886, que também teve profundas mudanças ao longo de sua vigência.

O Poder Executivo é exercido pelo presidente, eleito pela maioria absoluta dos cidadãos em votação direta no primeiro turno, ou em segundo caso não haja maioria absoluta no primeiro, para um período de quatro anos. Graças a uma reforma da Constituição em 2005, o presidente pode ser reeleito, inclusive de maneira imediata.

O Poder Legislativo é exercido pelo Congresso Nacional, formado pelo Senado, que tem 102 membros, e pela Câmara de Representantes (câmara baixa) que tem 166 membros, todos escolhidos para períodos coincidentes de quatro anos.

O próximo Congresso será eleito no domingo, 12 de março, e tomará posse em 20 de julho deste ano.

Os máximos órgãos do Poder Judiciário na Colômbia são a Corte Suprema de Justiça (23 magistrados); o Conselho de Estado - contencioso administrativo - (27 magistrados); a Corte Constitucional (9 magistrados); e o Conselho Superior Judiciário (13 magistrados).

Os magistrados da Corte Suprema, da Corte Constitucional, do Conselho de Estado e do Conselho Superior Judiciário são designados para períodos de oito anos.

FORÇAS ARMADAS: Possui 295 mil membros, sendo 175 mil militares (Exército, Marinha e Força Aérea) e 120 mil membros da Polícia Nacional.

ECONOMIA: A moeda nacional é o peso (US$ 1= 2.255,50 pesos - R$ 1 = 1044,94 pesos).

O Produto Interno Bruto (PIB) de 2005 foi de cerca de 275,12 trilhões de pesos (US$ 118,548 bilhões).

A economia cresceu cerca de 5% no ano passado, segundo dados preliminares.

A inflação anual ficou em 4,19% em fevereiro e a taxa de desemprego ficou em 10,4% ao final de 2005, equivalente a 2.171.000 pessoas, enquanto o subemprego afetou 31,2% da população economicamente ativa, ou seja, a 6.529.000 pessoas.

As exportações em 2005 somaram US$ 21,1 bilhões e as importações US$ 19,7 bilhões, o que resultou em uma balança comercial com um superávit de quase US$ 1,4 bilhão.

A dívida externa total do país, em setembro de 2005, estava em US$ 37,4 bilhões, sendo que US$ 23,4 bilhões eram dívida pública e US$ 14 bilhões dívida privada.

Em 2005, pela primeira vez em 11 anos, a Colômbia alcançou o equilíbrio fiscal de suas finanças públicas.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,59
    3,276
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -1,54
    61.673,49
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host