UOL Notícias Notícias
 

18/03/2006 - 09h39

Tropas britânicas continuarão no Iraque enquanto Bagdá quiser

Bagdá, 18 mar (EFE).- O ministro da Defesa britânico, John Reid, afirmou hoje que, apesar da redução das tropas de seu país no Iraque, os militares permanecerão no país até que o Governo iraquiano peça sua retirada.

"A redução de nossas tropas no Iraque não se deve ao fato de o Iraque já ter capacidade de controlar a segurança, nem significa uma retirada das tropas britânicas", afirmou Reid em entrevista coletiva conjunta com o primeiro-ministro iraquiano, Ibrahim al-Jaafari.

O Reino Unido anunciou neste mês uma redução de 10% de seu contingente no Iraque (cerca de 8.500 soldados), concentrado na zona xiita do sul do Iraque.

"Permaneceremos aqui até terminar nossa missão e, se não for cumprida, ficaremos até que o Governo iraquiano decida que tem capacidade plena para encarregar-se da segurança" de seu país, disse o ministro.

Além disso, instou os políticos iraquianos a acelerar a formação do novo Governo "para que os terroristas não obstaculizem o processo político e democrático do Iraque".

Reid estimou que um Governo de união nacional "é a melhor alternativa para os iraquianos", aludindo à necessidade de integrar os sunitas em um futuro gabinete, apesar de os xiitas não necessitarem numericamente de sua participação.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host