UOL Notícias Notícias
 

04/04/2006 - 21h25

Rice nega problemas com Governos de esquerda na América Latina

Washington, 4 abr (EFE).- A secretária de Estado americana, Condoleezza Rice, disse hoje que seu país "não tem problemas com os Governos de esquerda na América Latina, desde que governem democraticamente e procurem melhorar a vida de seus povos".

A secretária de Estado ressaltou que os EUA mantêm "relações muito boas com o Brasil, que tem um Governo de esquerda" e, "excelentes" com o Chile, onde recentemente assumiu o poder a socialista Michelle Bachelet.

Falando à Subcomissão de Operações Exteriores da Comissão de Dotações Orçamentárias da Câmara de Representantes, Rice respondeu à preocupação de vários deputados democratas. Eles estavam preocupados com uma suposta perda de influência dos EUA na América Latina.

Rice lembrou que os Estados Unidos têm uma "série de relações fortes na América Central, asseguradas por Tratados de Livre- Comércio". Em toda a região, disse, "a política americana demonstra que é possível trabalhar com todo o espectro político".

Ela destacou que seu país se preocupa com as dificuldades dos excluídos e dos indígenas. E contou que, no último encontro da Comunidade do Caribe (Caricom), descobriu que quase ninguém conhece a ajuda dos EUA aos países da região, ao contrário do que ocorre com a China e o Japão.

"Por isso vamos divulgar melhor o que fazemos. As pessoas querem ver que os EUA estão presentes, ajudando as crianças. Tentaremos deixar claro que é isso que fazemos", ressaltou.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    10h39

    0,26
    3,136
    Outras moedas
  • Bovespa

    10h49

    -0,34
    75.135,74
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host