UOL Notícias Notícias
 

02/05/2006 - 11h13

Líderes religiosos de Kosovo tentam fortalecer paz e vida comum

Pristina (Sérvia e Montenegro), 2 mai (EFE).- Líderes religiosos islâmicos, ortodoxos e católicos se reuniram hoje em um monastério sérvio da cidade kosovar de Pec para estudar as possibilidades de fortalecer a paz, o respeito mútuo, o diálogo e a vida em comum no Kosovo.

A conferência dos hierarcas das três principais religiões do Kosovo é realizada por iniciativa da Igreja Ortodoxa Sérvia e representa o restabelecimento das atividades de um conselho ecumênico, que tinha iniciado seus contatos em 1999, durante o conflito kosovar.

Os trabalhos do conselho foram interrompidos em 2004, depois da onda de violência de março daquele ano no Kosovo, com albano-kosovares agindo contra a minoria sérvia e destruindo 30 templos ortodoxos, vários deles medievais de grande valor cultural e histórico.

Participam da conferência de Pec, que durará dois dias, o bispo ortodoxo Amfilohije, o vigário Lush Gjergji e o mufti Naim Trnava, entre outros hierarcas.

A província juridicamente sérvia do Kosovo está sob protetorado internacional desde que acabou a guerra, em junho de 1999, aguardando uma decisão sobre seu estatuto.

As negociações sobre o futuro estatuto do Kosovo, mediadas pela ONU, começaram em fevereiro com debates sobre questões técnicas, como a descentralização do poder. A quarta rodada dessas conversas será realizada na quinta-feira em Viena.

Os albano-kosovares querem a independência do Kosovo como a única solução, à qual se opõem taxativamente os servo-kosovares e Belgrado, que oferece à província uma autonomia muito ampla.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    10h49

    0,31
    3,137
    Outras moedas
  • Bovespa

    10h57

    -0,35
    75.127,88
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host