UOL Notícias Notícias
 

16/05/2006 - 03h36

Forças de segurança encontram 21 cadáveres em Bagdá

Bagdá, 16 mai (EFE).- Nas últimas 12 horas, 21 cadáveres foram encontrados em diferentes lugares de Bagdá, informou um porta-voz do Ministério do Interior iraquiano.

O capitão Ahmed Abdala explicou que nove deles, já em estado de decomposição, foram descobertos em Medinat Sadr, um empobrecido bairro xiita do leste da capital.

Os outros 12 corpos, entre eles o de um diretor-geral do Ministério da Habitação e o de um oficial de Polícia, foram achados em áreas residenciais de diferentes bairros, tanto sunitas quanto xiitas.

Vários deles apresentavam sinais de tortura e de tiros na cabeça, acrescentou o capitão Abdala.

Como vem sendo habitual nos últimos meses, nenhum crime foi reivindicado por partidos ou grupos. Mas as autoridades atribuem os assassinatos à crescente tensão entre sunitas e xiitas.

Só em abril, a Polícia registrou 1.001 assassinatos a sangue frio, sem incluir os diferentes atentados com bomba, em diversas partes do país. A maioria ocorre em Bagdá, segundo o presidente iraquiano, Jalal Talabani.

A onda de violência sectária começou dia 22 de fevereiro, quando um grupo desconhecido atacou um mausoléu xiita na cidade de Samarra.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    15h49

    -0,13
    3,164
    Outras moedas
  • Bovespa

    15h54

    2,10
    70.079,17
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host