UOL Notícias Notícias
 

16/05/2006 - 13h04

Morales acusa multinacionais e EUA de desestabilização

Paris, 16 mai (EFE).- O presidente boliviano, Evo Morales, acredita que as multinacionais e a embaixada dos Estados Unidos em La Paz estão tentando provocar problemas econômicos e sociais em seu país para impedir as reformas.

"Segundo as informações de que disponho, algumas multinacionais trabalham nessa linha, assim como a embaixada dos Estados Unidos em La Paz, que continua nos provocando e agredindo", afirmou Morales em entrevista publicada hoje pelo jornal francês "Le Figaro".

Um exemplo da atitude hostil dos EUA, segundo Morales, é o fato de que foi o único país que não enviou representantes diplomáticos quando o núncio apostólico visitou a Bolívia, um "sinal de desprezo". O presidente também reclamou que Washington se nega a dar vistos de entrada a senadores bolivianos. Em relação à aliança com Cuba e Venezuela, Morales explicou que "quando dizem que Hugo Chávez é meu tutor, respondo que Chávez é o tutor de todo o povo boliviano".

Ele afirmou que os venezuelanos gozam de uma situação econômica melhor que a dos bolivianos "graças à soberania que exercem sobre seus recursos naturais", e que por isso "ajudam sem pedir compensações".

Quanto a Cuba, "ajuda a desbloquear a Bolívia do ponto de vista social, nos terrenos da saúde e da alfabetização".

Além dessas alianças, ele comentou que "o Governo espanhol também se comprometeu a anular a dívida para financiar programas de educação", assim como o Banco Mundial, "pela primeira vez". Outros países europeus e o Japão estudam o mesmo caminho.

O presidente boliviano queixou-se que para ter direito às ajudas dos EUA "é preciso satisfazer a 16 critérios". Por isso criticou a Alca, cuja sigla interpretou como "Acordo para Legalizar a Colonização das Américas".

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host