UOL Notícias Notícias
 

13/07/2006 - 18h57

Canadá confirma sétimo caso do "mal da vaca louca"

Washington, 13 jul (EFE).- A Agência de Inspeção Alimentar do Canadá confirmou hoje mais um caso do "mal da vaca louca", o sétimo registrado no país desde 2003.

Segundo as autoridades, o caso de encefalopatia espongiforme bovina (EEB), como é chamada a doença, foi detectado em um animal da província de Alberta.

De acordo com um porta-voz da agência, todos os restos do animal foram incinerados e não entraram na cadeia alimentar.

Segundo um comunicado do órgão, a vaca tinha 50 meses e, portanto, nasceu depois de 1997, quando o Canadá adotou medidas para neutralizar a propagação da doença.

Nesse ano, as autoridades do Canadá proibiram a inclusão de proteínas de ruminantes como vacas e ovelhas na ração dos animais.

A agência acrescentou que fará uma exaustiva investigação sobre as circunstâncias em que ocorreu a contaminação do animal.

A EEB afeta o gado bovino e causa danos irreversíveis em seu sistema nervoso, até provocar a morte.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,40
    3,279
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h04

    1,26
    63.452,38
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host