UOL Notícias Notícias
 

08/08/2006 - 00h09

López Obrador defende resistência para transformar instituições

México, 7 ago (EFE).- O candidato mexicano de esquerda, Andrés Manuel López Obrador, disse hoje que sua resistência civil, exigindo a recontagem dos votos das eleições presidenciais, agora também terá como objetivo "transformar as instituições" judiciais.

"Vamos manter a resistência civil pacífica pelo tempo que for necessário. Não queremos só a apuração dos votos. Agora, vamos iniciar o movimento para transformar as instituições de nosso país", afirmou o político de esquerda.

López Obrador discursou em frente ao Tribunal Eleitoral do Poder Judiciário da Federação (TEPJF). Ele criticou a decisão judicial do órgão, que no sábado determinou a recontagem apenas dos votos de 9% das seções e não de todas, como pedia a coalizão de esquerda.

"Não vamos permitir que dinheiro derrote a moral e a dignidade de nosso povo", insistiu López Obrador, derrotado por 243.900 votos pelo conservador Felipe Calderón, segundo a apuração do Instituto Federal Eleitoral (IFE).

"Viemos dizer aos magistrados, de maneira respeitosa, que não aceitamos a apuração parcial. O povo do México não quer só uma parte da verdade, um dízimo de democracia, e sim 100%", discursou López Obrador para mais de mil de pessoas.

López Obrador afirma ter sido vítima de uma fraude eleitoral e recorreu à justiça para pedir a recontagem dos votos. O dirigente do Partido da Revolução Democrática (PRD) disse que os magistrados "ainda têm tempo para reconsiderar a decisão".

O TEPJF iniciou hoje uma sessão fechada para escolher os magistrados e juízes que vão a dirigir a apuração em 11.839 mesas de 149 distritos de todo o país, informou hoje uma fonte do tribunal à Efe.

Um porta-voz do TEPJF disse que a apuração começará na próxima quarta-feira, a partir das 9h (11h de Brasília) e "o trabalho não deve levar mais que cinco dias".

O Tribunal Eleitoral tem até 31 de agosto para examinar os pedidos de impugnação apresentados pelos partidos. No dia 6 de setembro, deve apontar o presidente eleito, que vai receber o cargo do presidente Vicente Fox em 1 de dezembro.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,84
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,35
    68.594,30
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host