UOL Notícias Notícias
 

14/08/2006 - 19h17

Annan nomeia diplomata alemão como representante da ONU no Kosovo

Nações Unidas, 14 ago (EFE).- O secretário-geral da ONU, Kofi Annan, nomeou hoje o embaixador alemão Joachim Rüecker como representante especial e chefe da Missão das Nações Unidas em Kosovo (Unmik, em inglês).

Rüecker, de 55 anos, assumirá o cargo em 1º de setembro substituindo o dinamarquês Soren Jessen-Petersen, que pediu demissão em junho.

Até então, Rüecker era representante especial adjunto da Unmik e dirigia o departamento de reconstrução econômica da província sérvia.

Neste posto, esteve encarregado de negociar as operações de privatização de empresas, como a do consórcio mineiro-metalúrgico Ferronikel de Glogovac, no sul do Kosovo.

Antes de trabalhar para a ONU, Rüecker exerceu diversos cargos no Ministério de Relações Exteriores da Alemanha, em áreas relacionadas a financiamento e assuntos orçamentários.

O antecessor de Rüecker foi acusado de ter favorecido a maioria albano-kosovar em detrimento da minoria sérvia, em um momento delicado no qual se negocia o status político definitivo da província.

Os albaneses-kosovares, que representam 90% da população, reivindicam a independência, enquanto a Sérvia se opõe, oferecendo em seu lugar uma ampla autonomia.

O diplomata alemão será o sexto administrador da província sérvia do Kosovo desde o fim da guerra, em junho de 1999, quando a região se tornou um protetorado administrado provisoriamente pela ONU.

A ONU coordena o processo de negociação sobre o status da província do Kosovo para determinar se se tornará uma comunidade autônoma dependente da Sérvia ou se terá sua independência declarada.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,31
    3,266
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,60
    62.662,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host