UOL Notícias Notícias
 

17/08/2006 - 13h47

Duas pessoas são acusadas de tráfico de imigrantes cubanos

Miami, 17 ago (EFE).- Dois moradores de Miami foram acusados de tráfico de pessoas no caso do grupo dos vinte cubanos que chegou na terça-feira ao litoral da Flórida, informou hoje a Procuradoria Federal do distrito sul do estado.

Noel López, de 32 anos, e Juan González Hernández, de 38, foram acusados na quarta-feira de ingressar de forma ilegal vinte cubanos (entre eles um bebê e uma mulher grávida), e por isso podem ser condenados a até dez anos de prisão e uma multa de US$ 250.000.

O grupo de imigrantes saiu de Pinar del Río (Cuba) no domingo em uma embarcação de oito metros de comprimento e chegou na terça-feira à ilha de Marco, perto de Naples, no sudoeste da Flórida. Os dois acusados foram levados para a prisão do condado de Lee.

Segundo a lei americana, os cubanos que são interceptados no mar, mesmo que a poucos metros do litoral, devem ser repatriados. No entanto, aqueles que conseguem pisar em terra podem permanecer nos Estados Unidos e depois de um ano obter a residência.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,12
    3,283
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,05
    63.226,79
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host