UOL Notícias Notícias
 

21/09/2006 - 04h52

Principal acusada de atentados de Amã é condenada à morte

Amã, 21 set (EFE).- O Tribunal da Segurança do Estado da Jordânia condenou hoje à morte a iraquiana Mayida Mubarak, principal acusada dos atentados de novembro a hotéis em Amã, nos quais morreram cerca de 60 pessoas.

Segundo a agência jordaniana "Petra", o tribunal decidiu que a ré "seja executada na forca" por seu papel nos atentados que tiveram como alvo três hotéis de luxo da capital, cuja autoria foi assumida pelo braço da Al Qaeda no Iraque.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host