UOL Notícias Notícias
 

03/10/2006 - 15h42

Primárias do Partido Socialista francês terão três candidatos

Paris, 3 out (EFE).- Ségolène Royal, Laurent Fabius e Dominique Strauss-Kahn estão oficialmente em disputa para representar o Partido Socialista (PS) nas eleições presidenciais francesas de 2007, após o prazo de inscrição de candidaturas ter encerrado hoje.

Royal, a grande favorita das pesquisas e companheira do líder do PS, François Hollande, foi hoje pessoalmente à sede do partido para apresentar sua candidatura e os apadrinhamentos necessários de dirigentes socialistas para poder disputar as primárias.

A candidatura do ex-primeiro-ministro Laurent Fabius foi apresentada hoje por um de seus assessores, Claude Bartolone.

O ex-ministro de Economia e Finanças Dominique Strauss-Kahn, que foi o primeiro a anunciar oficialmente sua candidatura na sexta-feira passada, cumpriu o trâmite através de colaboradores no sábado.

O Escritório Nacional do PS, reunido esta tarde, deve confirmar as três candidaturas, cuja validação corresponderá ao Conselho Nacional do partido no próximo sábado.

Em uma votação em 16 de novembro, os militantes do PS que cumprem as exigências para votar designarão seu representante nas eleições presidenciais de 2007. Haverá um segundo turno no dia 23, se necessário.

Entre os militantes com direito a voto estão as mais de 80 mil pessoas (mais de um terço do total) que ingressaram no PS no primeiro semestre, na campanha lançada pela direção do partido na internet, e entre as quais se suspeita que há muitos partidários de Royal.

É a primeira vez que os militantes socialistas têm que escolher entre três candidatos.

O único precedente de primárias no PS para designar seu candidato ao Palácio do Eliseu se remonta a 1995, quando Lionel Jospin venceu o então primeiro-secretário do partido, Henri Emmanuelli, antes de ser derrotado pelo neogaullista Jacques Chirac.

Jospin renunciou na semana passada a sua candidatura socialista para o pleito de 2007, seguido por Hollande e, na segunda-feira à noite, pelo ex-ministro da Cultura e Educação Jack Lang.

A ex-ministra de Emprego Martine Aubry, que não tinha excluído se candidatar, também desistiu de apresentar a candidatura.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host