UOL Notícias Notícias
 

09/10/2006 - 13h44

Irã afirma defender um mundo "sem armas nucleares"

Teerã, 9 out (EFE).- O porta-voz do Ministério de Exteriores do Irã, Seyed Mohammad Ali Housseini, disse hoje que seu país apóia um mundo sem armas nucleares, informou a televisão publica.

Segundo a televisão iraniana, Housseini fez estas declarações como resposta ao anúncio da Coréia do Norte de seu primeiro teste nuclear e, nesta primeira reação, o Irã se absteve de condenar o teste nuclear norte-coreano.

"A postura de Teerã a respeito dos testes atômicos é clara: o Irã basicamente é a favor de um mundo sem armas nucleares", disse o porta-voz iraniano em breves declarações divulgadas pela televisão pública.

Apesar das advertências da comunidade internacional, o Governo de Pyongyang fez hoje um teste com armas nucleares que gerou condenação de quase todo o mundo.

A reação do Irã estava sendo esperada com atenção especial, já que o país também é suspeito de estar desenvolvendo um programa de armas nucleares, apesar de sempre afirmar o contrário.

Neste momento, e como Teerã se negou a suspender o enriquecimento de urânio - considerado passo prévio à fabricação da bomba atômica -, o caso nuclear iraniano foi levado ao Conselho de Segurança, que poderia decidir sanções contra o Irã.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,67
    3,136
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    0,31
    75.990,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host