UOL Notícias Notícias
 

18/12/2006 - 17h59

Assad chega a Moscou para discutir conflito palestino, Líbano e Iraque

Moscou, 18 dez (EFE).- O presidente sírio, Bashar al-Assad, chegou hoje à Rússia convidado pelo chefe de Estado russo, Vladimir Putin, para abordar o conflito palestino, as tensões com o Líbano e a situação no Iraque.

"A agenda das conversas inclui a solução da crise do Oriente Médio. Será dada especial atenção à situação nos territórios palestinos, Líbano e Iraque", informou um porta-voz do Kremlin citado pela agência oficial "Itar-Tass".

Assad se reunirá amanhã com Putin no Kremlin, em sua segunda visita a Moscou desde que em 2000 assumiu o poder após a morte de seu pai, Hafez al-Assad, tradicional aliado da Rússia.

"É vital estabilizar a situação na Autoridade Nacional Palestina e criar a condições para a retomada das negociações entre palestinos e israelenses", acrescentou o porta-voz.

Assad também falará com Putin sobre a possibilidade de "desbloquear as negociações entre Israel e Síria", e a cooperação entre todos os países da zona para conseguir a normalização do Iraque através da reconciliação étnica e religiosa.

Assad também abordará em Moscou assuntos bilaterais, como o aumento da cooperação no âmbito militar, mas com fins "defensivos", como disse na semana passada o vice-presidente sírio, Farouk al-Chara.

Em fevereiro passado, a Rússia concluiu o fornecimento à Síria - apesar dos protestos do Governo de Israel - de vários sistemas de mísseis antiaéreos "Strelets", com alcance de até 5 quilômetros.

Segundo fontes russas, mais de 90% do armamento do Exército sírio é de fabricação soviética e russa, incluindo cerca de 4.000 carros de combate e mais de 500 aviões de guerra.

No ano passado, a Rússia e a Síria assinaram um acordo para o perdão de US$ 13,45 bilhões, ou seja, 73% da dívida contraída pelo país árabe com Moscou.

A chegada de Assad acontece três dias depois de o primeiro-ministro libanês, Fouad Siniora, visitar a Rússia, onde proclamou que "o Líbano não será governado contra a Síria, mas também não pela Síria".

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,40
    3,181
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    2,01
    70.011,25
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host