UOL Notícias Notícias
 

24/12/2006 - 10h13

Papa diz que nascimento de Jesus ajuda a entender o valor da vida

Cidade do Vaticano, 24 nov (EFE).- O Papa Bento XVI disse hoje que o nascimento de Jesus ajuda a conscientizar sobre "quanto vale" a vida, "desde seu primeiro instante até seu ocaso natural", e pediu aos homens que construam juntos um mundo de justiça e paz.

"Não fiquemos ocupados em celebrar o Natal esquecendo que o protagonista da festa é precisamente Ele", destacou o Papa durante a oração do Ângelus, lembrando que a data marca o nascimento de Jesus.

O nascimento de Cristo "nos ajuda a ser conscientes de quanto vale a vida, a vida de cada ser humano, desde seu primeiro instante até seu ocaso natural", indicou o Papa.

"No Deus que se torna homem por nós, sentimo-nos todos amados e amparados, descobrimos que somos preciosos e únicos aos olhos do Criador", afirmou.

A quem "abre o coração" a Jesus, Ele oferece a possibilidade de olhar com olhos novos a realidade da cada dia, disse o Papa. "Poderá saborear o poder da fascinação interior do amor de Deus, que consegue transformar em alegria até a dor", acrescentou.

Jesus quer "ser companheiro de viagem de cada um de nós" e é ele "quem nos faz sentir em casa nesta terra santificada com sua presença", mas "nos pede que façamos dela uma casa acolhedora para todos", afirmou o Santo Padre.

Bento XVI disse que o "dom surpreendente" do Natal é que Jesus "veio por todos nós e nele nos fez irmãos".

O "compromisso correspondente", explicou o Papa, é o de "superar cada vez mais as idéias preconcebidas, os preconceitos, fazer cair a barreiras e eliminar os desacordos que dividem, ou pior, que opõem os indivíduos e os povos, para construir juntos um mundo de justiça e paz".

Bento XVI pediu aos fiéis que se preparem "espiritualmente para acolher o Menino Jesus", cujo desejo é "vir a nós, para habitar no coração de cada um de nós".

Para que isso possa ocorrer "é indispensável que estejamos disponíveis e nos preparemos para recebê-lo", tornando-o um espaço "dentro de nós, em nossas famílias em nossas cidades", indicou o Sumo Pontífice.

O Papa dirigiu uma mensagem especial a todos os que passarão o Natal "na tristeza, na solidão, na doença e no sofrimento" e pediu à Virgem Maria que lhes proporcione "alívio e consolo".

Bento XVI expressou seu apreço pela iniciativa do pessoal do diário vaticano "L'Osservatore Romano", que destinará uma parte das vendas extras do jornal durante o Natal às crianças internadas no hospital Gemelli, de Roma.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    10h49

    0,20
    3,272
    Outras moedas
  • Bovespa

    10h51

    -0,54
    63.741,54
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host