UOL Notícias Notícias
 

06/01/2007 - 12h28

General brasileiro Santos Cruz comandará forças da ONU no Haiti

Brasília, 6 jan (EFE).- O general brasileiro Carlos Alberto dos Santos Cruz será o novo comandante militar da Força de Estabilização das Nações Unidas no Haiti (Minustah) e substituirá o também general brasileiro José Elito Carvalho Siqueira, informaram hoje fontes oficiais.

Santos Cruz assumirá o cargo na próxima terça-feira e sua nomeação já foi aprovada pelo Conselho de Segurança da ONU, segundo um comunicado do Ministério da Defesa.

O general, que ocupava até agora o comando da 13ª Brigada de Infantaria Motorizada do Exército, com sede em Cuiabá, foi responsável pelo treinamento das tropas brasileiras que atualmente estão no Haiti.

Carvalho Siqueira ocupava o cargo desde janeiro do ano passado, quando substituiu o general brasileiro Urano Teixeira da Matta Bacellar, que supostamente se suicidou com um tiro no quarto do hotel em que vivia na capital haitiana.

O Brasil, país com maior contingente militar no Haiti e que renova suas tropas na nação caribenha a cada seis meses, muda o comando das forças todo ano, de forma que Santos Cruz será o quarto general a ocupar o cargo.

A Minustah, cujo comando militar sempre foi brasileiro, começou a operar em junho de 2004 para tentar devolver a estabilidade ao Haiti após a revolta popular que derrubou o presidente Jean Bertrand Aristide.

A missão é formada por 6.700 militares, 1.622 policiais , 548 funcionários internacionais, 154 voluntários das Nações Unidas e 995 funcionários nacionais.

Além do Brasil, participam da missão Argentina, Bolívia, Canadá, Chile, Croácia, Equador, Espanha, Estados Unidos, França, Guatemala, Jordânia, Malásia, Marrocos, Nepal, Paraguai, Peru, Filipinas, Sri Lanka e Uruguai.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,63
    3,167
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    0,87
    65.667,62
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host