UOL Notícias Notícias
 

17/01/2007 - 10h23

Polícia iraquiana afirma ter matado 15 supostos militantes da Al Qaeda

Bagdá, 17 jan (EFE).- Quinze supostos militantes da Al Qaeda foram mortos na terça-feira em Ramadi, 100 quilômetros a oeste de Bagdá, quando tentavam atacar uma delegacia policial, informou hoje o Governo iraquiano.

Em comunicado, o Governo afirmou que os confrontos duraram uma hora e nenhum policial ficou ferido. Vários membros do grupo também foram detidos, acrescenta a nota.

Ramadi é a capital de Al-Anbar, província considerada centro de operações dos grupos rebeldes sunitas.

Nos últimos meses, os rebeldes protagonizaram cenas para mostrar seu poderio, como andar encapuzados e vestidos de preto em plena luz do dia pela principal avenida da cidade sem serem incomodados, enquanto proclamavam o "califado islâmico do Iraque".

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host