UOL Notícias Notícias
 

23/04/2007 - 17h09

Washington destaca a "figura histórica" de Yeltsin

(atualiza com comunicado do presidente dos EUA, George W. Bush) Washington, 23 abr (EFE).- O ex-presidente da Rússia Boris Yeltsin foi "uma figura histórica", afirmou hoje o chefe de Estado americano, George W. Bush, num comunicado no qual se declara "profundamente consternado" com a morte do líder russo aos 76 anos.

Yeltsin "desempenhou um papel-chave quando a União Soviética se desintegrou, ajudou a estabelecer os alicerces da liberdade na Rússia e tornou-se o primeiro líder eleito democraticamente na história desse país", lembrou Bush.

Por isso, destacou, foi "uma figura histórica que serviu a seu país num momento de tremendas mudanças".

Após mencionar os esforços do ex-presidente russo "para criar uma sólida relação entre Rússia e EUA, Bush expressou "as sinceras condolências" dos EUA "à família Yeltsin e ao povo russo".

Segundo a Casa Branca, Bush falou hoje por telefone com seu colega russo, Vladimir Putin, com quem aparentemente tratou da morte de Yeltsin.

Yeltsin foi eleito primeiro presidente russo em 12 de junho de 1991, quando a Rússia ainda era uma das repúblicas da União Soviética, que foi extinta após um acordo com os líderes da Ucrânia e da Belarus em dezembro desse mesmo ano.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,21
    3,129
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h35

    0,04
    76.004,15
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host