UOL Notícias Notícias
 

13/05/2007 - 12h54

Blair deixará de ser líder trabalhista em 24 de junho

Londres, 13 mai (EFE).- O primeiro-ministro do Reino Unido, Tony Blair, deixará de ser líder trabalhista em 24 de junho, segundo anunciou hoje a Executiva Nacional do partido após uma reunião em Londres.

Seu sucessor, que provavelmente será o ministro das Finanças, Gordon Brown, será anunciado em um congresso especial que acontecerá no mesmo dia em Manchester (norte da Inglaterra) Também será revelado nessa conferência o nome do substituto do "número dois" do Trabalhismo, John Prescott.

O prazo de inscrição dos candidatos começará nesta segunda-feira e terminará em 17 de maio, e os aspirantes precisam do apoio formal de um total de 45 deputados (incluindo eles mesmos) para participar.

Depois, os candidatos começarão uma campanha eleitoral por todo o país.

Blair já anunciou na quinta-feira passada que apresentará sua renúncia como primeiro-ministro à rainha Elizabeth II em 27 de junho, dia em que Prescott também renunciará como vice-primeiro-ministro.

Até o momento, só Brown apresentou oficialmente sua candidatura para substituir Blair e já lançou sua campanha.

Os únicos aspirantes que ousaram desafiar o ministro das Finanças, dois deputados da ala esquerda do Trabalhismo, adiaram na quinta-feira passada, até amanhã, a decisão definitiva sobre qual deles concorrerá às eleições internas do partido.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,48
    3,144
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,53
    75.604,34
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host